Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
18:00:00
Encontro Certo
19:00:00
 
 

Cookies e Política de Privacidade
A Tua Rádio utiliza cookies para personalizar conteúdos e melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Hospital São Pedro precisa de mais respiradores

por Denise Furlanetto

Ajude o hospital a comprar

Foto: Divulgação

O hospital São Pedro que contava com cinco respiradores, até ano passado, agora passou a ter 14 à disposição. De acordo com o diretor da instituição, Jaime Kurmann, o hospital está fazendo  esforço para não deixar ninguém sem atendimento. Numa parceria com o município foram cedidos monitores e servidores para o atendimento no hospital, suprindo assim a demanda de profissionais.  E agora a necessidade urgente é de novos respiradores. 

A UTI foi construída para atender 10 pacientes, mas já conseguiu atender 13, o que ocorreu neste domingo. Nesta segunda-feira, a UTI está com 12 pacientes. Jaime diz que foram suspensos todos os procedimentos eletivos do hospital e os funcionários foram designados para atender a enfermaria da Covid-19 devido ao crescimento da procura.

Para fazer frente a esse momento que de acordo com a médica coordenadora da UTI Covid-19, Lilian Pasin Jacobi, está no pico de toda a pandemia, são necessários mais respiradores.

Existe uma dificuldade de falta de equipamentos para compra ou mesmo aquelas empresas que tem disponíveis estão cobrando valores altos. A dificuldade também é de se conseguir equipamentos emprestados. Temendo o crescimento de novos casos com agravamento, o hospital está encaminhando uma campanha para angariar recursos para a compra de novos respiradores.

As doações em dinheiro podem ser feitas para o banco: Unicred (136), agência 6004, conta 46768-5, pix 90052804000127.

Além da busca de novos respiradores, fica o apelo para que a população se cuide, pois o hospital segundo a médica tem mudado o perfil de atendimento. O que antes eram pessoas de mais idade que  tinham sua saúde agravada, agora são jovens buscando ajuda e rapidamente precisando de respiradores. - São jovens de 17, 20, 30 e 40 anos com poucos dias da doença internando-, disse Lilian.

Esse foi o principal assunto da coletiva com os meios de comunicação, na manhã desta segunda-feira, 8 de março , tendo por local o gabinete, com a presença do prefeito Alex Carniel, da secretária de Saúde, Clarisse Lagunáz, da coordenadora da UTI, doutora Lilian Pasin Jacobi e do diretor do hospital, Jaime Kurman.
 

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio Garibaldi

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais