Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
19:00:00
A Voz Do Brasil
20:00:00
 
 

Cookies e Política de Privacidade
A Tua Rádio utiliza cookies para personalizar conteúdos e melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Superintendente Regional da Corsan fala sobre a estiagem e retirada das marrequinhas

Baixar Áudio por Denise Furlanetto
Foto: Divulgação

Em entrevista à Rádio Garibaldi, o superintendente regional da Corsan, Tiago Dellanhese, falou sobre a estiagem na Serra que está deixando alguns municípios em alerta, devido a estiagem. No Estado, a Defesa Civil Estadual contabiliza 122 municípios gaúchos em situação de emergência por causa da seca. O superintendente também falou sobre a limpeza da barragem da Corsan de Garibaldi com a retirada das marrequinhas.

Existe uma indicação meteorológica de que a precipitação com bons volumes de chuva estão previstas somente para o final de maio e início de junho, por isso estão sendo tomadas ações para evitar um possível desabastecimento, diz o superintendente.

Pela região, destacou que Veranópolis terá seu abastecimento através da bacia do Rio Ranchinho e Nova Prata seja pelo Rio da Prata, em razão da baixa disponibilidade hídrica.

Em Fontoura Xavier o abastecimento está ocorrendo com a utilização de caminhões-pipa, devido a barragem estar com nível bem baixo. Farroupilha possui a barragem do Burati que também está apresentando  redução de 35 a 40% da capacidade. Pela projeção de hoje, o município tem um abastecimento garantido, caso não chova, por pelo menos cem dias. Garibaldi também está com redução de 30 a 35% da capacidade da barragem e com água suficiente para os próximos 70 dias, e ainda não há prejuízo neste sentido. Mas caso, não haja uma regularização das chuvas, a estratégia poderá ser mudada com a volta de utilização de caminhões-pipa para o abastecimento.

Sobre a limpeza da barragem, disse que será utilizada uma tecnologia diferente, não tem máquinas, porque há necessidade de serem retiradas as marrequinhas com a utilização de uma bomba trituradora que ainda está em ajustes para o seu total funcionamento. Isso dará celeridade, diz o superintendente, na limpeza para depois fazer o desassoreamento da barragem que tem um volume muito grande de terra que ocupa o lugar de reserva de água. Será retirado 1/3 deste material. Novo encontro deverá ocorrer nos próximos dias com o prefeito Alex Carniel.

(entrevista completa em ouça a notícia)
 

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio Garibaldi

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais