Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
05:00:00
Música e Informação
06:30:00
 
 

Cookies e Política de Privacidade
A Tua Rádio utiliza cookies para personalizar conteúdos e melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Novo lote de medicamentos do kit intubação é entregue a hospitais

por Everton Meneguzzi

Remessa de medicamentos beneficiará 51 instituições

Hospital Cristo Redentor - Porto Alegre
Foto: Felipe Dalla Valle/Palácio Piratini

A primeira entrega dessa remessa do Ministério da Saúde ocorreu ainda na sexta-feira (26/3), e o beneficiado foi o Hospital São Vicente de Paulo, em Passo Fundo, que estava com o estoque de bloqueadores neuromusculares e sedativos em nível crítico.

Neste sábado, além da equipe do Exército que entregaram os medicamentos em Porto Alegre, dez grupos formados por militares percorrem mais de 6,5 mil quilômetros pelo interior gaúcho para abastecer os estoques de hospitais.

Essa remessa beneficia 51 instituições com medicamentos do kit intubação, remédios  para o procedimento de ventilação mecânica de pacientes com dificuldades respiratórias. São 20,1 mil frascos de atracúrio, 3,5 mil ampolas de cisatracúrio e 37,88 mil frascos de midazolam.

Assim que chegam ao Estado, os medicamentos são armazenados no 3° Batalhão de Suprimento, em Nova Santa Rita, onde são preparados para o transporte e entrega imediata aos hospitais, responsabilidade do 3° Grupamento Logístico.

A responsabilidade pela compra desses medicamentos é das instituições hospitalares, não fazendo parte da rotina da Assistência Farmacêutica do Estado. No entanto, frente à dificuldade de aquisição no país e ao aumento da demanda desde o ano passado, o governo do Estado e o Ministério da Saúde se articularam para comprá-los excepcionalmente e distribuí-los às instituições com estoques críticos e que prestam atendimento pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

A SES realiza um levantamento semanal com os hospitais gaúchos do estoque dos 22 medicamentos para a intubação em UTIs. A ação visa acompanhar a quantidade de cada um na rede hospitalar pública, que já sofreu com escassez em julho do ano passado, também em decorrência da pandemia de Covid-19. Na época, foram adquiridos medicamentos no mercado nacional e internacional.
Em março, já foram entregues a hospitais de todas as regiões do Estado cerca de 130 mil frascos de medicamentos com essa finalidade. Entre as ações da SES para reverter o quadro de desabastecimento, a diretora Lisiane Fagundes aponta o incentivo de remanejo de estoque entre instituições que estejam com o abastecimento menos crítico, realização de pregão estadual e nacional para a aquisição excepcional dos remédios e prospecção do mercado internacional.

Clique aqui para acessar a lista de hospitais beneficiados.

Informações: ASCOM RS

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio Cacique

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais