Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
20:00:00
Tua Essência
23:59:00
 
 

Cookies e Política de Privacidade
A Tua Rádio utiliza cookies para personalizar conteúdos e melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Hospital de Soledade recebe nova quantidade de medicamentos para tratamento da Covid-19

por Marcus Vinicius Prates de Souza

Quantitativo de remédios deve durar em torno de 4 dias

Carlos Alberto Rocha, presidente do Hospital Frei Clemente de Soledade.
Foto: Paulinho Paes/Tua Rádio Cristal.

Nesta semana, o Hospital Frei Clemente de Soledade  recebeu algumas doses de dois medicamentos muito utilizados em pacientes intubados. Os medicamentos já estão em utilização, contudo o término deste quantitativo deve ocorrer em poucos dias.

A entrega ocorreu por meio do 1º Tenente ACosta e 1º Tenente Abílio, responsáveis pela logística dos medicamentos. Neste processo, estão encarregados o Ministério da Saúde e a Secretaria Estadual da Saúde.

O presidente do Hospital Frei Clemente, Carlos Alberto Rocha, destacou a importância deste repasse de remédios.

“O nosso hospital tem dificuldades em encontrar medicamentos e esta não é uma realidade só daqui do município. Todos os dias, instituições de saúde de todo o país nos ligam para empréstimo, assim como nós também estamos à procura. Esta quantidade que recebemos deve durar em torno de quatro dias”, comentou.

Quanto a situação dos leitos Covid na instituição de saúde de Soledade, conforme o presidente, neste momento, houve uma diminuição.

"Estamos com 2 pacientes internados em UTI Covid. Em leitos clínicos, temos 6 pacientes internados e em fila de espera, 5, isso compreende pacientes dos diversos municípios que tem o Frei Clemente como referência”, enfatizou.

Rocha salientou a diminuição no número de internações nos últimos dias, isso em virtude da vacinação, mas que o total de leitos Covid, não está sendo disponibilizado, devido a falta de medicamentos que compõem o kit intubação.

“Temos feito um estudo técnico e a tendência é o fechamento dos leitos Covid, pois assim, que ocorre alta do paciente, os leitos estão sendo bloqueados, contudo se vierem medicamentos temos condições de atender os pacientes que estão no aguardo”, ressaltou Beto.  

Por conclusão, o presidente da casa de saúde soledadense, disse que um pregão para aquisição deste tipo de medicamento está sendo aberto, contudo a carência destas medicações é ocasionada pela indústria.

“O governo do Estado, abriu um pregão eletrônico para aquisição destas medicações, tomara que as indústrias apareçam e que o Estado consiga manter o fluxo destes medicamentos aos hospitais, embora esta não seja uma responsabilidade do Estado e nem do Ministério da Saúde, contudo estão dando uma grade ajuda", finalizou Rocha.

 

 

 

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio Cristal

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais