Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
00:00:00
Igreja no Rádio
05:00:00
 
 

Coagrisol encerrou 2018 alcançando a marca de R$ 1,2 bilhão em faturamento

por Paulinho Paes

Cooperativa projeta um novo crescimento para 2019

Números positivos foram apresentados para os conselheiros da cooperativa
Foto: Marcos Vinicius/Tua Rádio Cristal

A Coagrisol iniciou nesta sexta-feira, 25/01, o processo de prestação de contas referente ao ano de 2018 através do tradicional “Conselhão”. No ato, que foi realizado no auditório da Cooperativa, em Soledade, estiveram reunidos os integrantes dos conselhos de Administração, Fiscal e de Representantes para apreciação dos dados contábeis e financeiros da organização cooperativista que em 2019 completa 50 anos.

De acordo com os dados, que foram apresentados pelo superintendente Clademir da Silva Comin, a Coagrisol encerrou 2018 com um faturamento de R$ 1,2 bilhão, um valor de R$ 450 milhões superior ao orçado no início do ano, ainda maior do que o realizado no ano anterior, quando o faturamento foi de R$ 803 milhões.

Neste sentido, conforme o superintendente, o faturamento orçado para 2019, é de R$ 854 milhões. “Também ressaltamos que mesmo com uma série de fatores que impactariam em nossa atividade, assumimos os custos e não passamos nenhum centavo a mais de despesa para nosso quadro social. Nossos resultados poderiam ser muito maiores, mas fatores alheios a nossa vontade nos impediram disso” relata.

Os produtos agrícolas seguem sendo o carro chefe dos negócios da empresa, representando 75% dos negócios. Em quantidades, no ano de 2018, a Coagrisol recebeu mais de 6,5 milhões de sacas de soja; Mais de 320 mil sacas de milho, e 400 mil sacas de trigo.

Os demais segmentos comerciais da empresa também tiveram incremento de negócios, sendo que a área de insumos realizou um volume de 16% dos negócios; o setor de varejo apresentou negócios no percentual de 5.58%.

O leite também teve incremento, onde a cooperativa aumentou seu recebimento, passando de 8.518 para 9.132 milhões de litros recebidos. Receitas de prestação de serviços e setor de produtos animais também compõem o balanço.

Todos os balanços tiveram parecer favorável recomendando a aprovação tanto pelo Conselho Fiscal bem como pela equipe de auditoria externa, e agora serão levados para apreciação dos cooperados nas assembleias regionais que iniciam na segunda-feira, 28/01,e em seguida serão homologados na Assembleia Geral Ordinária, que será realizada em 19/02, em Soledade.

Ao final do balanço, já descontadas despesas como as bonificações aos cooperados, pagamento de ações judiciais, despesas extras motivadas especialmente devido a chamada “greve dos caminhoneiros” , entre outras provisões, a Cooperativa teve um resultado de R$ 6.385.187,06, oque será apresentado para a destinação por parte da assembleia.

DESAFIOS QUE EXIGEM ESFORÇO, RESPONSABILIDADE E GERAM ORGULHO

Ao avaliar o ano de 2018 na Coagrisol, o presidente José Luiz Leite dos Santos se diz feliz. Ele comenta que o período foi de apreensão em virtude da retomada da economia que não ficou evidente devido a fatores como uma greve dos caminhoneiros que acabou refletindo drasticamente no desempenho econômico. Além disso, a estagnação em virtude que questões políticas acabou por fazer com que 2018 ficasse aquém do que os cenários iniciais apontavam.

Entretanto, ele explica que mesmo diante deste cenário, a Coagrisol seguiu em uma rota ascendente de crescimento, tendo um desempenho considerado bom diante do cenário. Leite também lembra a responsabilidade que é aplicada nas elaborações orçamentárias da empresa. “Temos um compromisso com mais de 100 mil pessoas, que direta ou indiretamente dependem desta empresa, e por isso sempre mantemos os pés no chão ao tratar de projeções de negócios, por isso esta variação sempre positiva de nosso faturamento anual” considera.

Além dos aspectos financeiros, José Luiz pondera que o ano foi de modernização da Coagrisol, desde a logomarca até as políticas de gestão operacional. “Demos significativos passos dentro de nossa política de modernização da Coagrisol, tudo isso de forma responsável e continua. Nosso propósito é seguir confirmando a solidez e pujança desta organização. Prova deste momento especial que vivemos são as distinções que recebemos de institutos de renome estadual e nacional como as revistas Amanhã, Época Negócios, Exame, Globo Rural e S.A Varejo, bem como dos jornais Valor Econômico e Estadão e ainda as setoriais como a AGAS E ABRAS. Todos estes estudos, que são independentes, apontaram nossa melhora de desempenho tanto financeiro como em aspectos de gestão, e isso nos enche de orgulho” comenta o presidente.

Outro ponto que o líder cooperativista lembra são os investimentos realizados na estrutura da Coagrisol ao longo de 2018, que entre recursos próprios e financiados ultrapassam os R$ 15 milhões. Neste contexto, a Coagrisol estava há alguns anos sem um volume considerável de investimentos empregados em suas estruturas, e em 2018 estas melhorias foram implementadas, sendo que deverão ter seguimento em 2019. Para esta situação, o presidente pondera que foi fundamental a estratégia do reforço de caixa da Coagrisol e com isso a retomada de credibilidade e posicionamento junto à instituições financeiras.

Ouça a entrevista do presidente José Luiz Leite dos Santos para Tua Rádio Cristal. 

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio Cristal

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais