Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
00:00:00
Igreja no Rádio
05:00:00
 
 

Cookies e Política de Privacidade
A Tua Rádio utiliza cookies para personalizar conteúdos e melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Agentes de endemias realizam trabalho de prevenção ao Aedes aegypti

Baixar Áudio por Ana Lúcia Jacomini

Ouça a explicação de uma das agentes, clicnado no player de áudio desta matéria

Imagem Ilustrativa
Foto: Reprodução/EBC

Além do enfrentamento à pandemia de coronavírus, a Secretaria Municipal de Saúde de Marau também tem frente de trabalho no controle do Aedes Aegypti, mosquito transmissor de doenças como a dengue, febre chikungunya e zika vírus. São três agentes de endemias que fazem a atividade de campo, vistoriando os pontos estratégicos e conferindo as situações de denúncias. Conforme Carina Maculan, uma das profissionais, já há algum tempo que existe o controle dos principais criadouros monitorados, seja pela conscientização quanto aos riscos do acúmulo de água parada, seja pelo uso do inseticida adequado, enviado ao município pela Sexta Coordenadoria de Saúde. Marau é positivo para o Aedes aegypti desde 2013.

Ainda de acordo com Carina, uma das preocupações recentes diz respeito ao número de casos de presença de larvas em caixas d ' água. Ela explica que o mosquito entendeu que pode entrar pelas calhas, depositar seus ovos e sair pelos respiros. Há dois anos atrás, revela a agente, não eram encontradas larvas nestes locais e por isso, é reforçada a informação de que é preciso utilizar cloro até mesmo nas caixas de coleta de água da chuva. Carina enfatiza que o mosquito se prolifera apenas na água parada e que todos podem contribuir com o trabalho dos agentes de endemias, cuidando de seus pátios e o entorno de suas residências.

Qualquer denúncia para a Vigilância Ambiental pode ser feita pelo telefone 3175.0932. Entre as principais medidas de prevenção ao aumento no número de larvas do mosquito da dengue estão, por exemplo, ações como tampar caixas d'água, tonéis e latões; guardar garrafas vazias viradas para baixo; guardar pneus sob abrigos; não acumular água nos pratos de vasos de plantas e enchê-los com areia; manter desentupidos ralos, canos, calhas, toldos e marquises; manter lixeiras fechadas e manter piscinas tratadas o ano inteiro.

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio Alvorada

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais