Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
00:00:00
Igreja no Rádio
05:00:00
 
 

Merenda escolar será distribuída a famílias em situação de vulnerabilidade social

Baixar Áudio por Camila Agostini

A entrega dos alimentos será feita em casa, não sendo necessário o deslocamento das famílias

Inicialmente, cada família vai receber um kit de alimentos para serem preparados em casa
Foto: Reprodução/Iura Kurtz/Facebook

Projeto de Lei aprovado pelo Senado prevê a distribuição de alimentos da merenda escolar às famílias dos estudantes que tiveram suspensas as aulas na rede pública após a epidemia do coronavírus.

De acordo com o projeto, o dinheiro do Programa Nacional de Alimentação Escolar continuará a ser repassado pela União a estados e municípios para a compra de merenda escolar. Como as escolas públicas estão fechadas por causa da pandemia, os alimentos deverão ser distribuídos aos pais ou aos responsáveis pelos estudantes matriculados nessas escolas, conforme informações divulgadas pelo Senado Federal. 

Depois de se reunir com a secretária de Educação, Simone Costenaro, o prefeito Iura Kurtz, confirmou que, tão logo o projeto passar pela sanção presidencial, os alimentos serão distribuídos aos alunos da rede municipal de ensino.

Em contato com nossa reportagem, a secretária explicou que equipes serão designadas à conferência dos estoques de alimentos perecíveis para, posteriormente, selecioná-los em kits a serem levados às residências dos alunos, cujas famílias estão enquadradas nos critérios adotados pela legislação.

A lista de pessoas beneficiadas será emitida pela Secretaria de Desenvolvimento Social de Marau e reúne famílias com renda per capita de R$ 89,00 e até R$ 179,00 por família. “A lei nos orienta à distribuição dos alimentos oriundos do Programa Nacional de Alimentação Escolar para os estudantes de baixa renda e que se encontram em vulnerabilidade social”, destaca Simone Costenaro. A secretária reitera que as famílias não devem ir até à escola ou qualquer outro local. A entrega ocorrerá no domicílio. Ouça a íntegra da entrevista no player de áudio.

Inicialmente, cada família vai receber um kit de alimentos para serem preparados em casa. A previsão é de que as aulas possam ser retomadas no mês de abril, mas, como reforça a secretária, a situação é diariamente reavaliada.  

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio Alvorada

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais