Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
09:00:00
Temática
12:00:00
 
 

Rio Grande do Sul está em alerta contra a dengue devido o verão

Baixar Áudio por João Paulo Deluca

Secretária de Saúde de Garibaldi diz que 80% dos focos do mosquito aedes são encontrados nas residências do município

Foto: Divulgação

Desde 2013, Garibaldi está na lista dos municípios infestados pelo mosquito Aedes aegypti que é transmissor da dengue, chikungunya e zika. A maioria dos municípios do Estado está nesta lista, os poucos que não estão é porque não têm equipe de vistorias ou não atingiram 1% dos imóveis vistoriados com larvas do inseto.

A temporada de verão é a de maior atenção, já que a proliferação do mosquito aumenta em virtude das temperaturas mais altas. O principal cuidado deve ser em relação a locais com água parada, que é onde o Aedes deposita seus ovos.

A secretária de Saúde, Simone Agostini de Moraes diz que 80% dos focos do mosquito em Garibaldi estão nas residências, onde o morador às vezes não percebe o possível criador da larva. Daí a importância, segundo ela, de que as pessoas facilitem o trabalho dos agentes endêmicos para vistoriarem o interior e pátios das residências.

Em Garibaldi, existem mais de 16 mil estabelecimentos que são vistoriados por seis agentes de endemias que tem uma dedicação integral e mais os agentes de saúde que destinam 20h do seu trabalho semanal para esta prevenção. A cada quinze dias são vistoriados os pontos estratégicos, como praças, cemitérios, borracharias e outros onde é feita a coleta e eliminação do criadouro que é a recomendação atual.

Outra estratégia adotada é o LIRAa- Levantamento Rápido de Índices de Infestação pelo Aedes aegypti (LIRAa). A secretária esclarece que em setembro de 2018, Garibaldi registrou um caso importado da dengue, em que o paciente apresentou a doença, mas havia sido contaminado fora do município. O principal cuidado deve ser em relação a locais com água parada, que é onde o Aedes deposita seus ovos. O mosquito existe, mas ainda não há contaminação e assim é o que todos esperam para evitar casos das doenças. É o que fala Simone, acompanhe a entrevista na íntegra no link escute a notícia.

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio Garibaldi

Enviar Correção

Comentários