Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
09:00:00
Temática
12:00:00
 
 

Cookies e Política de Privacidade
A Tua Rádio utiliza cookies para personalizar conteúdos e melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Cantor lírico ligado à Ospa, Decápolis de Andrade morre por complicações da covid

por Denise Furlanetto

O cantor era casado com a garibaldense Rita De Paoli

Foto: Divulgação

Reconhecido cantor lírico no Rio Grande do Sul, Decápolis de Andrade morreu nesta quinta-feira (8), em Porto Alegre, aos 77 anos. Ele estava internado no Hospital de Clínicas e não resistiu a complicações da covid-19

No canto erudito, Decápolis era identificado como tenor, com voz mais aguda. Ele estava aposentado, mas por muitos anos foi ligado à Orquestra Sinfônica de Porto Alegre (Ospa), onde deu aulas de canto no Conservatório Pablo Komlós - Escola de Música da Ospa e ensinou técnica vocal no Coral Sinfônico da orquestra. Regente da Ospa, o maestro Evandro Matté conviveu com Decápolis ainda na sua época de músico, quando era trompetista na orquestra sinfônica e subia ao palco com o tenor nas apresentações da Ospa.

Talvez tenha sido um dos cantores que mais se apresentou junto à orquestra. Sempre alegre, divertido. Aquele perfil que todo mundo se dá bem, todo mundo gosta. E um grande incentivador da ópera e do canto lírico — define Matté.

Decápolis tinha outras doenças, como diabetes. Ele deixa a esposa, Rita De Paoli, e três filhos. No ano de 2019, ele esteve no encontro da família De Paoli em Marcorama, oportunidade em que cantou e encantou os descendentes da família com sus voz.


 

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio Garibaldi

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais