Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
12:10:00
No Ponto
14:00:00
 
 

Médicos manifestam apoio às medidas adotadas pelo poder público de Soledade quanto ao decreto 12.975/20

por Marcus Vinicius Prates de Souza

Documento foi emitido e assinado pelos profissionais responsáveis pela casa de saúde soledadense

Hospital de Soledade.
Foto: Foto: Arquivo.

Os profissionais médicos responsáveis pelo Hospital Frei Clemente de Soledade, por meio de manifesto demonstraram o seu apoio às medidas adotadas pelo poder público municipal de Soledade, quanto ao decreto 12.975/2020.

Confira o manifesto na íntegra.

O Hospital de Caridade Frei Clemente, através do seu Presidente, Carlos Alberto Rocha, através do Diretor Técnico, Dr. Getúlio Vasconcellos e Clínico Dr. Juliano Machado; e pela Comissão de Controle de Infecção Hospitalar (CCIH), Dr. José Carlos Rufato, e o Gabinete de Gestão de Crise para o enfrentamento da epidemia decorrente do novo Coronavírus (COVID-19), representado pelo Secretário Municipal da Saúde, Diego Vidaletti, emitiram a presente manifestação pública:

Considerando os termos da Portaria188/GM/MS, que declara Emergência em Saúde Pública de Importância Nacional (Espin), em decorrência da Infecção Humana pelo novo coronavírus (Covid-19);

Considerando que a classificação da situação mundial do novo coronavírus como pandemia significa o risco potencial de a doença infecciosa atingir a população mundial de forma simultânea, não se limitando a locais que já tenham sido identificados como de transmissão interna;

Considerando a necessidade de rápida resposta a qualquer ameaç real que a Covid-19 possa oferecer em território nacional;

Considerando que, desde o decreto 12.963/2020do Município de Soledade /RS, assinalou que o motivo determinante da prolação do ato era combater a pandemia decorrente do Covid-19;

Considerando que os órgãos técnicos da saúde assim entendidos o Ministério da Saúde, a Secretaria Estadual da Sapude e os médicos responsáveis pelo enfrentamento da pandemia neste Município, seguem a preconizar a imperiosidade do isolemento social, como úniva forma cientificamente testada e confirmada como hábil a reduzir a velocidade de contágio do Covid-19;

Considerando que há clara recomendação da organização Mundial da Saúde, no que tange à imperiosidade do isolamento social, como forma de combater o avanço do Covid-19;

Considerando que as atuais condições do Hospital Frei Clemente, apesar do esforço dos gestores, não garante que teríamos leitos suficientes ( isto ocorre praticamente em todo o nosso País) para atender a demanda imprevisível de todos os casos de Covid-19 que necessitarem de atendimentos;

Considerando que a maioria dos Municípios do Estado do Rio Grande do Sul prosseguirão, na semana vindoura, com medidas atinentes ao isolamento social (Passo Fundo, Palmeira das Missões, Lajeado, Marau, Erechim, etc);

Considerando que notoriamente, há reduzida oferta de insumos (máscara, álcool gel, etc e que assim, grande parcela da população não obterá os itens necessários para resguardar a saúde;

Os abaixo assinados manifestam seu apoio às medidas adotadas pelo Poder Executivo Municipal no decreto de nº 12.975/2020, de 29 de março de 2020 (que poderá ser alterado ou revogado a qualquer momento), com o objetivo de prevenção, controle e contenção de riscos, danos e agravos à Saúde Pública, a fim de evitar a disseminação pelo novo Coronavírus (COVID-19) no município de Soledade, com medidas de precaução em favor da saúde e da vida.

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio Cristal

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais