Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
14:00:00
Em Alta
18:00:00
 
 

Pandemia de coronavírus desafia a comunidade a realizar sua doação de sangue

Baixar Áudio por Leticia Nunes

25 de novembro traz à tona a reflexão sobre a importância deste ato

Héber Daniel Rodrigues, bioquímico em Soledade.
Foto: Tua Rádio Cristal.

Doar sangue é um meio de salvar vidas, um gesto de solidariedade e de empatia para com o próximo. Nada melhor do que a abordagem sobre o assunto na própria data em que se lembra o doador de sangue. Dia nacionalmente comemorado em 25/11.

Mesmo em época de pandemia o ato se faz necessário, até por que os estoques sanguíneos de hospitais e hemocentros espalhados pelo país tem caído consideravelmente, desde que a pandemia teve seu início, ainda em março deste ano.

Conforme dados divulgados pelos próprios veículos de imprensa, a principal causa desta queda, foi o avanço do coronavírus, que fez com que as pessoas ficassem mais em casa, evitando sair e principalmente procurar os locais de coleta, por receio de contrair a doença.

Héber Daniel Rodrigues, bioquímico em Soledade afirma à reportagem que sim é possível realizar a doação de sangue, contudo, devido a pandemia, é necessário a observação de algumas situações.

“Não pode doar sangue, quem teve febre ou gripe nos últimos quinze dias, quem recebeu transfusão sanguínea, nos últimos doze meses, gestantes ou mães que estão amamentando, pessoas que passaram por cirurgia de grande porte, nos últimos seis meses, pessoas acometidas por hepatite, quem fez tatuagem ou piercing, nos últimos doze meses ou que tenham doenças sexualmente transmissíveis”, destaca Rodrigues.

Por outro lado, o bioquímico ainda alerta, quais são os requisitos para se tornar um doador. “Podem realizar a doação, aquelas pessoas com idade mínima de 18 e com menos de 68 anos, peso superior a 50 quilos, não ter ingerido bebida alcoólica, nas últimas 24 horas e estar munido de documento de identificação”.

Rodrigues ainda lembrou, que a população não precisa ter medo de realizar seu ato de solidariedade, pois os locais de coleta sanguínea respeitam rigorosamente os protocolos sanitários, de limpeza e higienização, para a prevenção da Covid-19.

Quanto a referência para a doação de sangue, para os munícipes de Soledade, a referência é o hemocentro de Passo Fundo, em que os interessados podem entrar em contato via telefone e agendar a sua doação, já que os atendimentos estão mais restritos em virtude da pandemia de coronavírus. O número de contato do Hemopasso é o (54) 3311-1427.

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio Cristal

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais