Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
00:00:00
Igreja no Rádio
05:00:00
 
 

Soledade registra queda nos casos da Covid-19 nos últimos dias

Baixar Áudio por Marlusa Oliveira

Conforme a secretária da Saúde de Soledade, Edinara de Morais França, isso deve-se ao fato da vacinação massiva e da conscientização da população perante a doença

Edinara de Morais França, secretária da Saúde de Soledade
Foto: Rodolfo Tatim/Tua Rádio Cristal

Mesmo diante da vacinação massiva fornecida para a população no tocante a Covid-19, cabe destacar que a pandemia não acabou e por isso a necessidade das pessoas continuarem cuidando-se, levando em conta os protocolos sanitários e a procura pelas doses do imunizante.

Em Soledade quedas vêm sendo registradas em relação aos números de pacientes acometidos pelo vírus, o que garante que as atividades possam ser aos poucos retomadas seguindo os protocolos orientativos do Governo do Estado  e a vida, aos poucos retomada, com esperança em um novo normal.

Momentaneamente há 44 casos ativos no município e dois pacientes internados. Mesmo diante disso, a secretária da Saúde de Soledade, Edinara de Morais França esclarece que a vacinação precisa continuar sendo feita, a fim de que os números sejam cada vez menores.

Para obter tal êxito, durante toda a semana as segundas doses do imunizante Pfizer estão sendo oferecidas no Centro Clínico, em anexo ao hospital de Caridade Frei Clemente, assim como as terceiras doses para os profissionais da área da Saúde.

A vacinação também acontece nas ESF do município, com aplicação das doses em idosos acima de 60 anos e população em geral, mediante a aplicação das segundas doses da Pfizer.

A expectativa é de que nos próximos dias a Secretaria de Saúde do município receba uma nova arremessa de primeiras doses, para que a imunização de adolescentes acima de 12 anos e a população em geral que ainda não recebeu as primeiras doses possa ser assegurada, menciona Edinara.

“Todavia, não podemos esquecer que a pandemia é uma cascata e uma ação é consequência da outra. Se as doses forem procuradas no momento certo os números em contrapartida, continuarão sendo baixos”, pontua ela, ao referir-se a alta procura da população pelas doses recentemente devido a obrigatoriedade do passaporte vacinal.

Ouça a notícia completa no player acima. 

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio Cristal

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais