Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
07:00:00
Conectado
09:00:00
 
 

Legislativo soledadense faz avaliação positiva para o ano de 2023

por Carolina Giongo

A partir de 1º de janeiro de 2024, Edivaldo entrega o cargo para Miguel Adones de Campos.

Foto: Divulgação

Durante o ano de 2023, o vereador Edivaldo da Silva dos Santos foi presidente da Câmara de Vereadores de Soledade. Um período onde houve muitos debates, projetos importantes, homenagens às pessoas que se destacaram pelo seu trabalho em prol do município. A partir de 1º de janeiro de 2024, Edivaldo entrega o cargo para Miguel Adones de Campos.

“Faço uma avaliação positiva da minha gestão devido ao trabalho realizado e a forma como a casa legislativa foi presidida. Fico feliz pelos colegas vereadores terem entendido a maneira como esse trabalho foi feito. Foi um ano importante, com a aprovação de projetos importantes e debates acalorados, mas tudo dentro do respeito”, afirmou Edivaldo.

Ao longo do ano, aconteceram diversa audiências públicas sobre assuntos variados, porém com pouca participação da comunidade. Sobre isso, Edivaldo afirmou que para 2024, a ideia é fazer um trabalho diferente.

“Vamos apostar em mais divulgação, indo nos bairros ou mesmo utilizando as mídias, pois entendemos que é importantíssima a participação, a sugestão e as reclamações da comunidade nas tomadas de decisões”, relatou o edil.

Outro ponto positivo da gestão do presidente do legislativo foram os avanços na estrutura da Câmara, com a modernização do plenário David Líbero Gheller e a informatização da casa legisdlativa. “Com certeza isso será um marco. Os melhoramentos que fizemos foi para dar mais assistência para todos, proporcionando um local amplo e aconchegante, além de facilitar todo o trabalho durante a sessão”, pontuou Edivaldo.

Quanto ao futuro político do edil, a ideia principal é tentar a reeleição para vereador. “Se eu for reeleito, para próximo mandato não estarei mais concorrendo a vereador e, talvez, meu nome possa aparecer na majoritária. Estamos conversando com o partido, mas a tendência é permanecer no PMDB e ser candidato pelo partido”, concluiu.

Texto: Carolina Giongo/Tua Rádio Cristal
Foto: Paulinho Paes/Tua Rádio Cristal

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio Cristal

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais