Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
07:00:00
Conectado
09:00:00
 
 

Em plena era digital, biblioteca Alcides Maia em Soledade incentiva leitura do livro físico

Baixar Áudio por Carolina Grotto Giongo

A biblioteca Alcides Maia foi toda reestruturada justamente para incentivar as pessoas a manterem o contato com o livro físico

Há alguns anos, os alunos tinham que ir até a biblioteca para fazer pesquisas ou realizar trabalhos escolares. Atualmente, a era digital domina essa e outras áreas, pois todas as informações podem ser encontradas com apenas um toque na tela. No entanto, será que este espaço físico, onde se tem contato direto com os livros, continua recebendo pessoas? O que a biblioteca representa nos dias de hoje?

“Nós temos muito orgulho do nosso espaço. A biblioteca Alcides Maia foi toda reestruturada justamente para incentivar as pessoas a manterem o contato com o livro físico. Para que elas entendam que é importante manter esse hábito de leitura, manuseando este objeto e percebendo cada detalhe nele”, afirmou Sofia Bins, uma das responsáveis pela biblioteca.

Para não perder a essência deste local que por muitos era tido como uma casa de estudos, a biblioteca Alcides Maia ficou mais atrativa, oferecendo a todos que a frequentam, um espaço de reflexão, aprendizado e divertimento.   

“Nós dispomos de um espaço amplo para pesquisas, com um acervo bastante extenso, com obras e arquivos históricos. Se a pessoa tem o seu cadastro, ela pode optar por realizar a sua leitura aqui dentro da biblioteca. Estando aqui, é possível fazer diversas leituras, além de manusear o livro e aproveitar toda a estrutura ampla e criativa”, destacou Aline Taborda, que também é responsável pela biblioteca.  

Outra opção disponibilizada na biblioteca Alcides Maia é a contação de histórias, que é feita através do agendamento prévio. Este momento, a

“As professoras escolhem qual tema deve ser apresentado às crianças e nós decidimos a história e fazemos disso um momento alegre. Nos caracterizamos e interagimos bastante com elas. O nosso objetivo é que os alunos saiam daqui mais reflexivos e que possam fazer dessa realidade algo melhor”, pontuou a estagiária Bianca Calegari, que auxilia na contação de histórias.

Texto e foto: Carolina Giongo/Tua Rádio Cristal / Arquivo Tua Rádio Cristal

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio Cristal

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais