Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
09:00:00
Temática
12:00:00
 
 

Presidente da Emater RS cumpriu agenda nesta sexta-feira em Soledade

por Leticia Nunes

Presença no município, fez parte de cronograma de visitas nas regionais do RS

Geraldo Sandri/presidente da Emater RS.
Foto: Letícia Nunes/Tua Rádio Cristal.

O presidente da Emater RS, Geraldo Sandri, esteve presente em Soledade a fim de cumprir um cronograma de atividades. O objetivo foi a aproximação da Emater com as regionais, através de seus extensionistas e servidores, assim como entrevistas e reuniões com os representantes das Administrações Municipais.

A rodada de visitas iniciou em Pelotas, no dia 18/11, já em 19/11, foi a vez de Bagé e no dia 20/11, Santa Maria. “Nos reunimos de forma presencial nas regionais e virtual com os extensionistas das respectivas regiões, atendendo inclusive a imprensa local e visitando prefeitos que não disputam o segundo turno, ressaltou Sandri, que seguiu, nesta semana, com a agenda de reuniões nas regiões de Ijuí e Santa Rosa, além de nesta sexta-feira, 27/11 as regionais de Soledade e Lajeado, serem as contempladas.

Em entrevista para Tua Rádio Cristal Sandri, enfatizou que além de todas estas ações, a Emater, executa um intenso trabalho no seu modelo de reestruturação, incluindo a contenção de gastos, que em um futuro pode chegar a R$400 milhões, o que permitirá a empresa investir estes valores em projetos de auxílio ao produtor rural e agricultor familiar.

Em relação aos projetos de apoio ao agricultor são inúmeros. “Temos em torno de 116 projetos de auxílio ao produtor e nas mais diversas áreas como: correção do solo, avicultura, bovinocultura, fruticultura e agora uma grande preocupação é quanto ao armazenamento de água devido à estiagem”.

Quando questionado sobre qual o papel da Emater, em ajudar os produtores da região, no que se refere a avicultura, já que a empresa Vibra está instalada em Soledade, Sandri disse que o apoio estará também voltado à disponibilidade de orientações. “Quando temos investimentos deste porte, como da Vibra, a Emater sempre é parceira para orientar o produtor quanto a investimentos, financiamentos, ou seja, em seu plano de negócio e sempre torcemos para que esta ligação entre produtor e empresa seja duradoura e forte”.

Em relação ao período de estiagem que o Rio Grande do Sul enfrenta, Sandri finalizou. “No ano passado tivemos uma quebra bastante importante e até o momento algumas dificuldades com o milho e a bacia leiteira. Esperamos que estes próximos dias, em que se marca chuva, tenhamos bons índices e quanto aos preços estes têm colaborado. Contudo, independente disso temos auxiliado os produtores em relação ao aumento de suas áreas irrigadas”.

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio Cristal

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais