Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
12:10:00
No Ponto
14:00:00
 
 

Cookies e Política de Privacidade
A Tua Rádio utiliza cookies para personalizar conteúdos e melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Beneficiário de plano relata caso de cobrança indevida na realização de procedimento médico

por Camila Agostini

"Pagamento de taxas extras para médicos" é irregular, diz professor vinculado ao Balcão do Consumidor

Foto: Ilustrativa

O pagamento de valores extras por beneficiários de planos de saúde efetuado ao médico para a realização de um procedimento ou intervenção cirúrgica. Ouvinte da Rádio Alvorada relatou que se sentiu enganado na ocasião em que foi obrigado a pagar, além do vencimento do plano, uma taxa adicional destinada ao trabalho do médico que lhe atendia.

De acordo com Vanderlei Schneider, professor vinculado ao Balcão do Consumidor, projeto de extensão da Faculdade de Direito da Universidade de Passo Fundo, em parceria com a prefeitura e o Ministério Público Estadual, que tem com foco, o trabalho de mediação das relações de consumo, a cobrança de valores extras nestas condições é uma prática irregular. “Eventuais gastos extras, caso haja acordo de cooperação, compete à operadora cobrar do beneficiário. O médico, no entanto, não pode agregar valores adicionais pelo procedimento realizado”, afirma o professor.

De acordo com Schneider, nestas condições, inicialmente, a pessoa que se sentir lesada deve procurar a administradora do plano e se não obtiver resposta, está orientada a abrir um protocolo na Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS). Casos dessa natureza tramitam diariamente entre as intervenções do Balcão do Consumidor de Passo Fundo, conforme destaca o professor.

Mais detalhes no player de áudio.

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio Alvorada

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais