Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
00:00:00
Igreja no Rádio
05:00:00
 
 

Brasil é o terceiro país que mais comercializa vinhos pela internet

por Isadora Helena Martins

Mais de 8 milhões de brasileiros já aderiram a sites e aplicativos para comprar a bebida

Um em cada quatro consumidores de vinho faz compras de rótulos via web
Foto: Divulgação / Dandy Marchetti/Ibravin

O mercado vitivinícola brasileiro tem feito diversas apostas para aumentar as vendas e há alguns anos aderiu ao e-commerce. A estratégia deu certo e, hoje, o Brasil é o terceiro maior mercado de compra de vinho pelos canais online. O país fica apenas atrás da China e do Reino Unido quando o assunto é venda de vinhos pela internet.

Conforme explica o cofundador e executivo da Evino, Ari Gorestein, um dos principais fatores para esta adesão do consumidor ao mercado online é a facilidade ofertada pelos canais.  “Isso se dá devido a mudança cultural do brasileiro. O consumidor aprendeu que comprar vinhos pela internet é mais cômodo, é conveniente. No Brasil o principal canal onde os vinhos são comercializados é o grande varejo e normalmente o consumidor se sente perdido diante de uma gôndola de vinhos, ao passo em que na internet ele consegue pesquisar, ler e se orientar para fazer a escolha”.

Conforme dados da empresa especializada em marketing de vinho Wine Inteligence, os fatores preço e variedade também estão atraindo cada vez os consumidores para esta plataforma. Outros motivos que explicam a posição brasileira no ranking são os altos custos logísticos e tributários que envolvem a comercialização do produto pelos canais tradicionais, além da entrada de novos consumidores no mundo do vinho. Mas, conforme Gorestein, o que se constata é que o consumidor que compra vinhos pela internet não muda muito do mesmo consumidor que adquiria a bebida via comércio tradicional. “De maneira geral é similar, um consumidor na faixa etária de 40 a 50 anos, com uma renda média das classes A e B, e o sexo é prioritariamente masculino. No geral, é um consumidor de vinhos que transaciona também pelos canais online”, afirma.

O levantamento da Wine Inteligence  também aponta que existem mais de 8 milhões de consumidores de vinho online no Brasil, e que as vendas pela internet cresceram 40%. Quanto ao meio mais utilizado para a compra, o executivo da Evino afirma que os aplicativos já tomaram a dianteira.

O crescimento do comércio online de vinhos será um dos assuntos abordados na Wine South America, principal feira profissional de vinhos da América Latina. O evento ocorre de 25 a 27 de setembro, no Fundaparque em Bento Gonçalves. Durante os três dias de feira, são esperados mais de 6 mil visitantes, entre varejistas, atacadistas, importadores, distribuidores, especialistas em vinhos e demais profissionais do setor vitivinícola. A feira também vai reunir 300 marcas expositoras que estarão ofertando degustações, aulas sobre o assunto e conferências.

Ouça AQUI.

   

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais