Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
12:10:00
No Ponto
14:00:00
 
 

Radar das Eleições: Alceu Barbosa Velho desponta como principal nome do PDT para o Executivo caxiense

Baixar Áudio por Rodrigo Fischer

Segundo episódio da série mostra ainda as ideias da sigla para o plano de governo

Foto: Divulgação

O quadro “Radar das Eleições” retorna com as pretensões do Partido Democrático Brasileiro (PDT) para as eleições municipais de 2020. Atualmente, a sigla conta com cerca de 7500 filiados, um dos maiores redutos de associados de Caxias do Sul.

Desde as eleições do novo diretório municipal, em março, o partido atua para o pleito eleitoral. O PDT buscou um diálogo com os filiados e os trouxe para a convivência com os líderes caxienses. Esse ato foi chamado de “organização interna”. O outro objetivo é ouvir a população caxiense. A legenda criou núcleos de bairros a fim de reunir e discutir as demandas com a comunidade, o que seria uma preparação para a montagem do plano de governo. Até o final do ano, a sigla pretende que 22 núcleos estejam espalhados em duas regiões de Caxias do Sul.

O presidente do PDT caxiense, Maurício Flores, afirma que a discussão será pautada em uma “cidade consciente”, ressaltando que ações como essa constroem um diálogo direto com as pessoas. Feito a discussão, o próximo passo seria lançar as chapas para a Prefeitura e à Câmara de Vereadores.

“Com a discussão de uma cidade diferente, vamos montar nosso programa de governo baseado no diálogo. Caxias é uma cidade que merece ser ouvida, a população merece ser escutada. É isso que partidos que tem responsabilidade, como o nosso, fazem. Depois disso, para o ano que vem apresentaremos uma chapa tanto para vereador como para a chapa majoritária”, coloca.

Alceu Barbosa Velho aparece, mas atuais vereadores também

A intenção do partido é seguir essa trajetória. Porém, o ex-prefeito Alceu Barbosa Velho é o líder do PDT na cidade e o preferido para compor a chapa majoritária, como candidato ao Executivo municipal. A afirmação é confirmada por Flores, que ressalta que se “ele quiser ser nosso candidato, o PDT vai estar com ele”.

“Nós temos uma grande liderança: o Alceu Barbosa Velho. O partido tem nele a grande referência. Se por ventura ele quiser ser nosso candidato, o PDT vai estar com ele. Se não quiser, temos outras frentes que são muito fortes, como nossos vereadores e os membros da executiva. Dentro do partido temos grandes quadros.”, revela.

Quanto à nominata para o cargo de vereador, a legenda terá a chapa completa de 35 pré-candidatos. Flores destaca que o partido está alinhado com os quatro vereadores da atual legislatura, mas não deixou em aberto o tema reeleição. Ele reafirma o compromisso da sigla em abrir uma conversa com a comunidade caxiense para o plano de governo.

“O que posso dizer dos nossos quatro vereadores é que estamos alinhados com eles como nunca estivemos. Vamos buscar junto desses parlamentares, da nossa executiva e do nosso ex-prefeito Alceu Barbosa Velho, um projeto de partido, mas principalmente um de diálogo com a população.”, diz.

Com a implantação dos núcleos de bairro, que possui um projeto de filiações, o PDT espera chegar até 2022 com o número de 22 mil pessoas ligadas ao partido.

(Ouça as entrevistas no "Ouvir notícia" abaixo da manchete).

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio São Francisco

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais