Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
00:00:00
Igreja no Rádio
05:00:00
 
 

Papa pede 'disponibilidade' para acolher refugiados

por Tales Giovani Armiliato

Francisco manifestou vontade durante seu primeiro discurso na Polônia

Pontífice participa da Jornada Mundial da Juventude que segue até o domingo.
Foto: Rádio Vaticano

O Papa Francisco pediu nesta quarta-feira na Polônia que o país abra portas aos refugiados que chegam à Europa, durante o primeiro discurso que proferiu em Cracóvia, convidando a “superar os medos”.

“É precisa a disponibilidade para acolher as pessoas que fogem das guerras e da fome; a solidariedade para com aqueles que estão privados dos seus direitos fundamentais, designadamente o de professar com liberdade e segurança a sua fé”, sustentou, perante autoridades políticas, academicas e civis, no Castelo de Wavel, coração histórico da cidade polaca.

Francisco falou na necessidade de um “suplemento de sabedoria e misericórdia” para analisar as questões ligadas às migrações. O Governo da Polônia tem sido um dos mais críticos de um sistema europeu com quotas obrigatórias para redistribuição de refugiados. O Papa apelou a “colaborações e sinergias” a nível internacional a fim de se encontrar soluções para os conflitos e as guerras que “forçam tantas pessoas a deixar as suas casas e a sua pátria”.

Após agradecer o acolhimento do presidente da Polônia, Andrzej Duda, o Papa evocou a figura de São João Paulo II (1920-2005), o Papa polaco que tinha “o sonho dum novo humanismo europeu”. No final do encontro, o presidente Duda e a primeira-dama acompanharam o pontífece ao palácio presidencial, para um encontro particular. Depois Francisco esteve reunido com 130 bispos polacos.

Fonte: Agência Ecclesia.

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio São Francisco

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais