Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
00:00:00
Igreja no Rádio
05:00:00
 
 

Projeto da RGE substituirá geladeiras comuns por freezers científicos para vacinas em dois municípios da Serra Gaúcha

por João Pedro Minella

Ação será realizada em pontos de vacinação de Bom Jesus e São José dos Ausentes, e tem investimento de R$ 72 mil

São Leopoldo, 1 de julho de 2022 – Geladeiras comuns darão lugar a freezers científicos em pontos de vacinação das cidades de Bom Jesus e São José dos Ausentes. Com investimento de R$ 72 mil, a RGE destinará os novos equipamentos para a devida conservação de vacinas com objetivo de resolver um gargalo ainda presente no setor de saúde: o desperdício de vacinas em função da falta de uma conservação adequada.

De acordo com levantamento do movimento Unidos pela Vacina e do Locomotiva Instituto de Pesquisa, divulgado em 2021, cerca de 40% dos municípios brasileiros não possuem geladeiras adequadas em seus postos de saúde para o armazenamento de vacinas, incluindo a da Covid-19.

“Esta é mais uma importante ação da CPFL na área de saúde, dando sequência ao nosso Programa CPFL nos Hospitais. A substituição de geladeiras comuns por freezers científicos foi uma necessidade verificada sobretudo a partir do início da vacinação contra a Covid-19, no ano passado. Temos certeza de que os novos equipamentos serão muito úteis aos pontos de vacinação e reduzirão eventuais perdas, além de ajudar na economia de energia para os locais beneficiados”, comenta Renato Povia, diretor de Estratégia e Inovação da CPFL Energia.

Ao todo, o Projeto tem atenderá 170 pontos de vacinação de municípios de São Paulo e do Rio Grande do Sul nos próximos meses. Com investimento total de R$ 3 milhões, a CPFL Energia, por meio da CPFL Paulista e da RGE, a ação tem o objetivo de evitar o desperdício e garantir a qualidade das vacinas em função da falta de uma conservação adequada.

Diferenciais. O freezer científico é mais eficiente para acondicionar vacinas, tanto da Covid-19 como de outras doenças. Ele possui, por exemplo, um sistema de alerta para o caso de eventual falta de energia e sistema de alarme visual sobre a temperatura máxima e mínima ou porta aberta.

A execução ocorrerá em etapas, que envolve o transporte do freezer até o local, a instalação e o devido treinamento sobre a operação. Os pontos que receberão os freezers estão sendo definidos em parceria com as prefeituras, mas partem de um levantamento prévio de necessidades feito pela própria CPFL. Técnicos contatados pela CPFL e pela RGE irão contatar e visitar as unidades básicas de saúde das cidades que apresentaram interesse em participar do projeto, identificando, assim, quais são prioritárias para a substituição.

Plano de Sustentabilidade:

Essa e outras ações fazem parte do pilar Valor Compartilhado do plano de sustentabilidade da CPFL Energia, que prevê aplicar até 2024 mais de R$ 1,8 bilhão para impulsionar a transição para uma forma mais sustentável e inteligente de produzir e consumir energia. Dessa forma, vai maximizar os resultados positivos na comunidade e na cadeia de valor, além de reduzir os impactos gerados pela natureza do seu negócio.

Sobre a RGE - Responsável por distribuir 65% da energia elétrica consumida no Rio Grande do Sul e atender mais de 3 milhões de clientes em 381 municípios gaúchos, a RGE é hoje a maior distribuidora da CPFL Energia em extensão territorial e número de cidades atendidas. A área de concessão da companhia, que é resultado do agrupamento das distribuidoras RGE e RGE Sul, realizado em janeiro de 2019, totaliza 189 mil km² de extensão, abrangendo as áreas urbanas e rurais das regiões Metropolitana, Centro-Oeste, Norte e Nordeste do estado.

Os investimentos realizados pela RGE contribuem para o desenvolvimento socioeconômico de locais de fundamental importância para a economia do estado, que vão desde fortes polos turísticos, agrícolas e pecuários, até grandes centros industriais e comerciais, trazendo mais bem-estar, conforto e infraestrutura para a vida de 7,4 milhões de gaúchos.

Sobre a CPFL Energia - A CPFL Energia, há 109 anos no setor elétrico, atua nos segmentos de distribuição, geração, transmissão, comercialização e serviços. Desde 2017, o Grupo faz parte da State Grid, estatal chinesa que é a segunda maior organização empresarial do mundo e uma das maiores empresas de energia elétrica, atendendo 88% do território chinês e com operações na Itália, Austrália, Portugal, Filipinas e Hong Kong.

Focada em uma forma mais sustentável de produzir energia, tem na CPFL Renováveis uma das maiores empresas de geração da América Latina a partir de fontes alternativas, com um portfólio baseado em fontes limpas como grandes hidrelétricas, usinas eólicas, térmicas a biomassa, Pequenas Centrais Hidrelétricas (PCH) e usina solar. Em geração é a terceira maior agente privada do País, com capacidade instalada de 4.303 MW.

Com 14% de participação, a CPFL Energia é uma das maiores empresas no mercado de distribuição, totalizando mais de 10 milhões de clientes em 687 cidades, entre os estados de São Paulo, Rio Grande do Sul, Minas Gerais e Paraná. Na comercialização, é uma das líderes no mercado livre, com participação de mercado de 4%. É líder na comercialização de energia incentivada para clientes livres entre as comercializadoras.

A CPFL Energia possui ações listadas no Novo Mercado da B3. O Grupo também ocupa posição de destaque em arte e cultura, entre os maiores investidores brasileiros, por meio do Instituto CPFL.

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio Fátima

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais