Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
05:00:00
Música e Informação
06:30:00
 
 

Cookies e Política de Privacidade
A Tua Rádio utiliza cookies para personalizar conteúdos e melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Usuários do CAPS contam com aulas online de professoras voluntárias da Associação Cultural Mônica Bonotto

por Rudimar Galvan
Alunos assistem aulas de casa e do Caps.
Foto: Divulgação

Atendendo a um pedido da coordenadora do CAPS - Centro de Atendimento Psicossocial - e assistente social, Paula Castilhos, as professoras voluntárias da Associação Cultural Mônica Bonotto – ACMB, estão oferecendo, desde o final do mês de março, aulas remotas aos usuários do CAPS, que irão prestar provas do ENCCEJA (Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos) no final de agosto.

Os alunos participam semanalmente das aulas na sede do CAPS, pela plataforma online Google Meet. Durante os encontros, os usuários realizam exercícios de leitura e escrita, com as professoras voluntárias Melissa Bonotto, doutoranda em sociologia no Centro da UNESCO de Pesquisas da Criança e da Família, na Irlanda, professora doutora Silvana Rodrigues Sato, titular da Universidade Militar de Santa Catarina e a professora de Línguas e Literatura, Mestre em Letras pela Universidade Federal do Paraná, Dione Gollo.

Analisando a ação educacional com a ACMB, os profissionais do CAPS afirmam estar vivenciando diariamente os benefícios do acesso ao estudo e à leitura, percebendo que eles vão além do aspecto educacional. “Percebemos que estes indivíduos estão se redescobrindo enquanto seres humanos capazes, estão ressignificando limitações que acreditavam possuir. Ver pessoas muitas vezes estigmatizadas pela sociedade, traçando planos, metas e ampliando possibilidades em suas vidas é algo que nos motiva a seguir nosso trabalho” afirma a assistente social Paula Castilhos, coordenadora do CAPS.

Para Melissa Bonotto, atual presidente da Associação, “a educação é um processo de empoderamento social e proporcionar a reaproximação destes usuários com o estudo é um processo que beneficia não apenas habilidades cognitivas, mas também sociais e emocionais em cidadãos que estão buscando uma nova chance na comunidade que vivem”.

Em relação ao projeto, a professora Silvana destaca que “a transição que a educação proporciona para estes alunos, tanto de alcance de objetivos quanto de abertura de novos horizontes é incrível e eu estou muito feliz de poder participar deste processo”.

Com vasta experiência em sala de aula e, também, em cursos profissionalizantes, a professora Dione Gollo salienta que “cada ser humano é único em suas necessidades e visão de mundo, por isso o processo de ensino e aprendizagem nunca se repete ou se iguala a qualquer outro já experienciado pelo professor. Existem complexidades e dificuldades maiores quando se trata de inserir quem já esteve em condição de exclusão social.  Assumir essa tarefa voluntária de ensinar jovens ex-usuários de drogas é, para mim, um grande desafio de fazer a diferença na vida da pessoa, oferecendo a possibilidade de melhorar o discernimento de suas escolhas individuais, de mudança de pensamento e de construção de algum conhecimento. Assim sendo, tornar possível a bem-sucedida reinserção pessoal e profissional na sociedade”.

A parceria entre a Associação Cultural Mônica Bonotto e o CAPS busca contribuir com o processo de aprendizado dos usuários do CAPS através da inclusão social, tendo em vista que o CAPS busca, além do cuidado com a saúde, o apoio multiprofissional, visando a inclusão, a socialização e a autonomia dos usuários acompanhados.

Seja um voluntário

Com a mudança das provas do ENCCEJA, inicialmente previstas para final de abril, e agora, com data para o final de agosto, a ACMB busca o apoio de professores de história, geografia, ciências e biologia, que participem do projeto de forma voluntária. Os interessados devem entrar em contato com a ACMB pelo e-mail [email protected].

Além disso, o projeto também irá contar com o apoio da professora de matemática, Flavia Favretto, da Rede Municipal de Ensino.

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio Cacique

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais