Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
12:10:00
No Ponto
14:00:00
 
 

Atleta da Shobu-Kan fala sobre tratamento de doença

Baixar Áudio por João Pedro Varal Tartari

Patrick Gasparin dos Santos ainda tem entre seis e oito meses de tratamento

Foto: Divulgação

“A gente receber essa notícia, do dia para a noite, não tem... É meio ruim, mas a gente... Que nem diz o médico, tudo tem uma recuperação.” A frase é de Patrick Gasparin dos Santos, 22 anos. É ela que inicia um relato tocante – afinal, essa é a forma que o jovem usa para definir como foi passar por uma daquelas descobertas que ninguém espera ou gostaria de receber. 

Soubemos da história do Patrick através da Escola Shobu-Kan, onde era atleta e se dedicava ao karatê. Há cerca de dois meses, ele recebeu a informação de que tinha desenvolvido leucemia aguda e câncer no pulmão. Com a confirmação, ele foi encaminhado para o Hospital de Clínicas de Passo Fundo. Recentemente, ele deu uma trégua do tratamento para passar alguns dias em casa, ocasião em que conversou com a reportagem da Tua Rádio. 

“Eu descobri através de uma dor, uma dor nas costas”, Patrick conta, abrindo um pouco mais sobre o diagnóstico. “No hospital, eles tiraram exame de sangue e comprovaram das minhas plaquetas muito baixas. Nisso, já me transferiram para Passo Fundo, onde que eu fiz uma tomografia com contraste e mostrou que, daí, eu tinha um tumor. Daí eu fiz uma biópsia, que comprovou tudo.” 

Sobre a sua situação e a melhora, o atleta informou que aguarda uma posição do médico. “Ele disse que ele não sabe dizer ainda, disse que só vai saber me dizer agora, quando eu voltar”, afirma. A previsão era que Patrick voltasse ao hospital nesta segunda-feira, 29/08, para seguir com o tratamento, agora focado nas quimioterapias.  

O que pode trazer mudanças é, justamente, o tempo que Patrick passou em casa. “É totalmente diferente a gente em casa, né, a gente fica melhor, né, a gente vê a família da gente, a gente vê a filha da gente, é totalmente diferente.” 

PIX do bem

Em meio a toda essa toda essa situação, Patrick também foi demitido, perdendo uma das fontes de renda. “Quando eu descobri a doença, ele [o chefe] me mandou embora. Parece que ele não aceitou, eu acho que ele sabia que ia ser um longo tratamento. E, aí...” 

Frente a isso e à situação do atleta, a Escola Shobu-Kan de Karate-Do fez uma publicação em que convidava seus seguidores a ajudarem Patrick. “FAZ UM PIX DO BEM!”, chamava a postagem. 

À Tua Rádio, ele reforçou o pedido: “toda a ajuda é bem vinda”. A chave PIX para as doações é o número de CPF 041.788.700-09.  

“Agradeço a todos e tudo vai ficar melhor”, finaliza. O tratamento ainda deve durar de seis a oito meses. 


Para ouvir a entrevista com Patrick Gasparin dos Santos, clique em 'ouvir notícia'. O botão com acesso para o áudio está localizado acima da foto. 

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio Alvorada

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais