Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
00:00:00
Igreja no Rádio
05:00:00
 
 

Comércio e varejo de Caxias do Sul devem abrir mil vagas de trabalho até o final do ano

Baixar Áudio por Rodrigo Fischer

Maioria será para atendimento ao público, com remuneração superior a R$ 1500. Grande parte corresponde a contratos temporários

Foto: EBC/Divulgação

Com três meses para acabar o ano, uma pesquisa da Conferência Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) projeta que os setores de varejo e serviço abram aproximadamente 100 mil vagas de trabalho até dezembro deste ano. Este número é um aumento de cerca de 40 mil postos de trabalho comparado ao ano passado.

Em Caxias do Sul, a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) da cidade calcula que abram cerca de mil vagas para o final do ano, uma média igual à de 2018. Conforme o presidente da entidade, Ivonei Pioner, a tendência também é diminuir esse índice, uma vez que os comerciantes locais investiram bastante em treinamentos para suas equipes. Porém, algumas decisões políticas, como a votação da Reforma da Previdência, podem influir nesses números. “Esse ano, o comerciante e varejista caxiense investiram muito em treinamento. Dentro da linha das vagas temporárias, vemos que em nível Brasil há uma confiança de grande parte do consumidor e do empresariado de que o ambiente econômico está começando a se desenvolver. E nós temos decisões importantes de governo que serão tomadas neste mês que vão impactar na economia.”, ressalta.

No Brasil, a maioria dessas vagas são para contratos temporários, o que envolve 52% das contratações. Conforme Pioner, o município também vai seguir a expectativa nacional, com a possibilidade de seguir até março caso a economia cresça. “A grande realidade é que essas vagas se iniciam temporárias, em novembro, e permanecem durante janeiro e fevereiro. Caso a economia está em plena atividade, muitas delas se mantêm até março.”, avalia.

O estudo mostra que ajudante e vendedor são as funções mais procuradas nessa época de final, chegando a ganhar R$ 1.597,00 e trabalhar, em média, oito horas ao dia. O presidente da entidade de Caxias do Sul revela que as vagas abertas na cidade abrangerão, em sua maioria, atendimento ao público para o setor de Comércio, com remuneração de R$ 1375,00 + comissões por venda. Para conseguir esse posto, Pioner traça um perfil do profissional, que deve conter uma boa comunicação com o público para comercializar os produtos e um bom relacionamento com a equipe de trabalho. “Nós buscamos  pessoas que saibam vender e que tenham um bom perfil de trabalho de grupo, pois se fala em experiência e ela acontece de forma positiva quanto todos estão engajados e comprometidos com a empresa.”, explica.

A pesquisa nacional realizada pela CNDL e pelo SPC/Brasil ouviu mais de mil empresários brasileiros do comércio e de serviços entre 01 e 16 de agosto deste ano. A confiança do estudo é de 95%.

(Ouça a matéria na aba "Ouvir notícia" abaixo da manchete).

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais