Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
 
 

Homem é preso por tentativa de triplo homicídio em Veranópolis

por Cida Cardoso Valna

Na manhã desta quinta-feira (12) a Polícia Civil em parceria com a Brigada Militar de Veranópolis realizou uma ação no bairro Santo Antônio. Como resultado, ocorreu a prisão de um homem, de 40 anos, por uma tripla tentativa de homicídio. Em entrevista à Tua Rádio Veranense, o delegado Tiago Madalosso Baldin contou mais detalhes.

“Houve um jogo de futebol pelo campeonato municipal, no início do mês de março, onde ocorreu um desentendimento entre alguns espectadores envolvidos nos times, que já possuíam uma rixa há um tempo”, relata o delegado.  

De acordo com ele, as vítimas da tentativa de homicídio – um casal e o filho de três meses - estavam de carro e seguiram do campo para o entroncamento da Rua Ademir Simonetto com a Capitão Pelegrino Guzzo, quando encostaram para provavelmente avisar aos seus amigos, de que um grupo de adversários estaria aguardando a descida pelo bairro Santa Rita.

“O homem que foi preso hoje, junto com outras pessoas, deslocou-se rapidamente até esse veículo que avisaria os amigos para que ou que não descessem pela ponte que liga o Pôr do Sol ao bairro Santo Antônio, sacou um revólver e efetuou três disparos. Dois deles ao menos, transfixaram o vidro de trás do veículo, atingindo as costas do encosto do banco de trás na mesma posição onde estava o bebê conforto da criança”, informa Baldin.

Segundo delegado, a tentativa de homicídio é classificada como crime duplamente qualificado, devido à impossibilidade de defesa das vítimas, e por um motivo fútil, já que a motivação foi uma discussão por causa de um jogo de futebol.

O inquérito levou cerca de dois meses para ser concluído. “Nós tínhamos imagens que nos deram a dinâmica dos fatos, mas alguns detalhes como testemunhas, análises de imagem com o mapeamento da cidade, daquela região especificamente, nos levaram a conclusão, a certeza da autoria do crime. O autor é um indivíduo com extensa ficha criminal pelos mais variados delitos, seja por crimes patrimoniais, tráfico de drogas e organização criminosa. Ele nunca havia sido preso. É um indivíduo que incute medo nas pessoas e a prisão de hoje é bem sintomática, apontando que o trabalho investigativo, correto, com calma, dá resultado”, comenta.

Além do mandado de prisão, havia sido expedido um mandado de busca e apreensão para a residência. No local, foi encontrada uma quantidade pequena de drogas. Assim, o preso também responderá pela posse de entorpecentes.

“Ele está assistido por um advogado e preferiu ficar em silêncio nesse primeiro momento na delegacia. Certamente o advogado dele vai formular a defesa, mas o inquérito agora nos próximos dias será remetido ao judiciário”, conclui.

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio Veranense

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais