Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
14:00:00
Em Alta
18:00:00
 
 

Cookies e Política de Privacidade
A Tua Rádio utiliza cookies para personalizar conteúdos e melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Quatro pacientes internados no Hospital Comunitário de Veranópolis aguardam por vaga em UTI

por Ana Júlia Griguol
Foto: Divulgação

No Município de Veranópolis, nesta terça-feira (2), quatro pacientes estão internados no Hospital São Pelegrino Lazziozi aguardando por vaga em uma Unidade de Terapia Intensiva – UTI. Destes quatro pacientes, três estão internados e entubados em decorrência da COVID-19 e o outro, também entubado, por outras causas.

Conforme o Diretor Administrativo da instituição, Rogério Franklin da Silva, o sistema de atendimento do hospital está saturado, considerando ocupação, equipes profissionais e equipamentos. “Nosso desafio é dar conta dessa demanda, até porque não temos como transferir pacientes para UTI’s, já que não tem leito disponível. Podemos considerar que o hospital está com o sistema saturado”, afirma Rogério.

Setores sobrecarregados

Atualmente, o hospital conta com 24 leitos e, destes, 16 estão ocupados por pacientes positivados para Covid-19. Além dos quatro pacientes que já estão entubados e aguardam leito de UTI, outros quatro pacientes estão necessitando de alto fluxo de oxigênio, o que representa um quadro grave, podendo necessitar, a qualquer momento de entubação e, consequentemente, vaga de UTI.

O hospital possui quatro respiradores e, no momento, os quatro estão ocupados. Em virtude desta situação, as equipes e administração estudam alternativas para aderir ao plano de contingência, o qual necessita dos carros anestésicos, utilizados somente em casos de urgência e emergência.

A enfermeira Drieli Anchieta, destacou a intensa movimentação no hospital, afirmando que a situação é preocupante. “Infelizmente o emocional e o físico acabam se esgotando, porque a gente olha para um lado não sabe o que fazer, olha para o outro, a gente tenta ajudar. Nós vemos nossos colegas necessitando de ajuda o tempo todo. Realmente fugiu do nosso controle. Todos os setores estão sobrecarregados”.

Segundo o administrador do hospital, com o aumento dos casos no município e região, bem como, com a necessidade constante de internações, todos os procedimentos do bloco cirúrgico foram suspensos, somente urgência e emergência. No Centro Clínico também estão sendo reavaliados os pequenos procedimentos, considerando as possibilidades e disponibilidade de equipe.

 

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio Veranense

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais