Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
00:00:00
Igreja no Rádio
05:00:00
 
 

Avança o desenvolvimento de grãos de inverno no Rio Grande do Sul

por Ana Lúcia Jacomini

Trigo, cevada, aveia e canola são as principais culturas nesta época

(Imagem Ilustrativa/Reprodução/portaldoprodutor.agr.br
Foto: Divulgação

O plantio do trigo avançou um ponto percentual, alcançando 99% da estimativa inicial de 739,4 mil hectares. De acordo com o Informativo Conjuntural da Emater divulgado nesta semana, as áreas que ainda deverão ser plantadas encontram-se exclusivamente na região serrana, cujo plantio deve se estender até o próximo dia 20 de agosto, segundo o zoneamento agrícola de risco climático.  

Outra cultura de inverno que se destaca no Estado é a canola. Nesta safra, a estimativa de plantio de canola é de 32,7 mil hectares, com rendimento médio de 1.258 quilos por hectare. As principais regiões produtoras dessa oleaginosa são Santa Rosa, Ijuí, Santa Maria e Bagé. Já a cevada tem área implantada no Rio Grande do Sul em 42,4 mil hectares, com rendimento médio de 2.073 quilos por hectare. A totalidade das lavouras plantadas com cevada no Estado estão na fase de desenvolvimento vegetativo. Também é destaque a aveia branca. Para grão é de 299,86 mil hectares, com uma produtividade esperada de 2.006 mil hectares. De modo geral, 67% das lavouras encontram-se na fase de desenvolvimento vegetativo, 23% em floração e 10% na fase de enchimento do grão.

LEITE

Os rebanhos leiteiros apresentam bom estado físico e sanitário e vêm aumentando a produção de leite, que terá seu pico em agosto, em função da oferta de pastagens cultivadas no inverno. Os criadores que contam com divisão de potreiros e/ou cerca elétrica realizam, com orientação da Emater, o manejo do pastoreio de forma rotativa, com adequação da carga animal, para melhor aproveitamento das forragens pelas diferentes categorias animais. Isto propicia a diminuição de custos com suplementação alimentar. Em consequência do clima, no entanto, as pastagens vêm apresentando menor disponibilidade de massa verde, havendo assim necessidade de aumentar as suplementações com silagem, feno, pré-secado, ração concentrada, em quantidades acima da usual, para manter o volume de leite produzido.

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio Veranense

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais