Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
09:00:00
Temática
12:00:00
 
 

Ordenha robotizada inicia em associado à Santa Clara em Paraí

por Davi Trintinaglia

Equipamento é utilizado na propriedade de Pedro Nólio

Os familiares do produtor Pedro Nólio, associado da Santa Clara em Paraí, tiveram a rotina alterada nesta semana. Desde sábado, dia 8, está funcionando na propriedade o robô Lely Astronaut, adquirido para realizar a ordenha das mais de 60 vacas em lactação.

O prefeito de Paraí, Jeremias Trevisan, o presidente da Santa Clara, Rogerio Bruno Sauthier, membros do conselho e da direção da cooperativa, técnicos da Santa Clara e demais empresas que prestam assessoria à propriedade e produtores da região estiveram presentes nesta sexta-feira, dia 14, para acompanhar o funcionamento da novidade, que é pioneira da marca no Brasil e primeiro robô a funcionar no Rio Grande do Sul.

O robô da Holanda tem capacidade para ordenhar em média 70 animais e tem a grande vantagem de realizar todo o procedimento sozinho. A vaca entra espontaneamente no robô quando sentir que seu úbere está cheio e a máquina só libera a ração caso seja hora de ordenhar aquele animal. O robô identifica onde está localizado o úbere, realiza a limpeza dos tetos e anexa as teteiras através de identificação por infravermelho. Ao acabar cada quarto, a teteira solta automaticamente e ao terminar a ordenha o animal é liberado para o confinamento. O leite fica armazenado em um compartimento e só é enviado para o resfriador quando os testes estão concluídos e não há nenhuma alteração.

Todos os animais estão cadastrados no computador, que recebe os dados da ordenha, temperatura do leite, índices, se há alguma alteração como febre ou cio, etc. Se a vaca precisar de qualquer atendimento, é liberada para um local separado do confinamento e o produtor pode acessar a ocorrência no computador e encaminhar a situação.

Segundo o filho de Nólio, Ezequiel, a diferença na rotina da família já é notada. "São apenas seis dias, mas já tem mudanças significativas. De lá pra cá desliguei o despertador. Estou acordando às 8 horas agora. Anteontem a propriedade estava rodando normal, o robô ordenhando, fomos às 5 horas passear pela propriedade, colher frutas, ver se as novilhas estavam bem, coisa que nunca deu tempo de fazer porque nesse horário a gente estaria ordenhando. Para ver como o robô facilita a vida", comenta.

Além da diminuição do trabalho braçal para o produtor e de ter um cadastro muito mais completo de cada animal e da propriedade, a expectativa é que como com o robô a ordenha é realizada de forma espontânea, a vaca tenha o aumento da produção individual devido ao constante estímulo.

A assistência técnica para a máquina é realizada pela Milkparts, com técnicos na propriedade durante toda a semana.

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio Veranense

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais