Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
20:00:00
Tua Essência
23:59:00
 
 

Cremers realiza nova vistoria na UPA Zona Norte e constata persistência de irregularidades

Baixar Áudio por Isadora Helena Martins

Segundo o coordenador de fiscalização, ainda há falta de médicos especialistas e quetões que envolvem a segurança dos pacientes

Foto: Isadora Martins
Foto: Divulgação

O Conselho Regional de Medicina do Rio Grande do Sul (Cremers) realizou nesta sexta-feira (12) uma nova vistoria na Unidade de Pronto Atendimento 24 de Caxias do Sul (a UPA Zona Norte). A fiscalização tem o objetivo de constatar se os pontos a melhorar como a falta de médicos, de remédios e questões sanitárias apontados no relatório anterior, a partir de uma vistoria realizada em 08 de março deste ano, foram atendidos.

Porém, segundo o coordenador de fiscalização do Cremers, Geraldo Jotz, nessa nova vistoria se constatou que as melhorias não foram feitas. “Pelo o que a gente viu não houve mudança no quadro. Continua o número de médicos aquém do necessário para atender a população. Continuam médicos atendendo crianças e que não tem o título de pediatria e continuam algumas inadequações em relação à segurança do paciente. Então algumas ressalvas que foram colocadas no nosso relatório de março vão permanecer no apontamento porque não foram regularizadas”, afirmou.  

Outro fato apontado como grave por Jotz, é a presença de estudantes de medicina da Universidade de Caxias do Sul (UCS), do 5º e 6º semestre, que estão estagiando no local sem a supervisão de um professor. “Até virem os representantes da universidade aparentemente ninguém sabia quem era o responsável pelos alunos. Então, são essas conversas desencontradas que a gente vai pedir explicações, também, para o coordenador do curso de Medicina da UCS”.  

Segundo Jotz, por ainda persistirem as falhas graves apontadas desde o último relatório, o Cremers deve sugerir novamente a interdição da Unidade de Pronto Atendimento.

Além da Upa 24H, o Conselho de Medicina também deve fazer vistoria nos hospitais da região e outras unidades de saúde. O relatório será finalizado nas próximas semanas e encaminhado para diretor técnico do Instituto de Gestão e Humanização (IGH) que é a empresa responsável pela gestão da UPA, para o secretário municipal da Saúde, Júlio Freitas, para o Ministério Público Federal, para o Departamento Nacional de Auditoria do SUS (DENASUS), para a Comissão de Saúde da Câmara de Vereadores e para o Conselho Municipal de Saúde.

Ouça no link acima da foto.

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio São Francisco

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais