Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
19:00:00
A Voz Do Brasil
20:00:00
 
 

Pesquisas apontam que os oceanos são o verdadeiro pulmão do mundo

Baixar Áudio por Beverli Rocha

As algas marinhas são responsáveis pela produção de 54% do oxigênio do planeta

O empresário e velejador Vilfredo Schurmann compartilhou suas experiências ao redor do mundo
Foto: Foto/José Roberto Couto

Os dados são do Instituto Brasileiro de Florestas que revelam ainda que sem os serviços prestados pelo oceano, a temperatura poderia ultrapassar 100ºC e inviabilizar a vida na Terra. Além disso, a Organização das Nações Unidas para a Alimentação e Agricultura (FAO) indica ainda que peixes e frutos do mar são a principal fonte de proteína para uma em cada quatro pessoas no mundo.

A saúde dos mares foi destaque no Conexão Oceanos, evento ocorrido no dia 03 de setembro no Museu do Amanhã no Rio de Janeiro. 

Durante o encontro, os participantes debateram os impactos sofridos pelos mares, além de compartilharem formas de engajar a sociedade em torno do tema, que é de extrema relevância para a sobrevivência e para o desenvolvimento econômico e social. O público foi formado principalmente por comunicadores, empresários, representantes da sociedade, pesquisadores e estudantes.

O evento foi o primeiro realizado no Brasil voltado a comunicadores, influenciadores e pesquisadores, com o objetivo de estruturar diretrizes para engajar a sociedade sobre a importância do oceano. As ideias surgidas no decorrer do Conexão Oceano farão parte de estratégias de comunicação em prol da conservação e sustentabilidade dos oceanos e da vida marinha, tema da Década da Ciência Oceânica para o Desenvolvimento Sustentável, declarada pela Organização das Nações Unidas (ONU) para o período de 2021 a 2030.

Robson Capretz, coordenador de Ciência e Conservação da Fundação Grupo Boticário de Proteção à Natureza, falou sobre o assunto em entrevista ao programa Temática na manhã desta segunda-feira.

Confira na íntegra.

 

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio São Francisco

Enviar Correção

Comentários