Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
07:00:00
Conectado
09:00:00
 
 

Instituto da Audiovisão realiza leilão virtual para custear despesas próprias durante pandemia, em Caxias do Sul

Baixar Áudio por Daniel Lucas Rodrigues

A instituição oferta três vestidos que pertenceram a Adilce Luchtemberg, fundadora da Chardonnay e denominada a Rainha da Noite

Foto: Pablo Ribeiro/Divulgação

O Instituto da Audiovisão (INAV) promove até o dia 17 de junho um leilão virtual para custear as despesas da instituição durante a pandemia da Covid-19. O evento venderá três vestidos da fundadora da Chardonnay, Adilce Luchtemberg, conhecida como a Rainha da Noite, que faleceu no ano passado. As peças foram doadas pela família da empresária.

Em entrevista à Tua Rádio São Francisco, a pedagoga especializada em Baixa Visão e uma das criadoras do INAV, Cleidi Batista Favero, apresenta um passo a passo para a comunidade colaborar com o pregão. O participante deve acessar o site leiloeiro.lel.br, clicar na aba “Leilões”, depois na janela “Beneficente INAV” e fazer o lance. Até o momento, as ofertas estão em R$ 105,00 até R$ 135,00. No site também está descrito os modelos das vestimentas.

“O atendimento aqui é gratuito e temos toda uma parte técnica e de estrutura. Contamos com a colaboração do Município, através de projetos para conseguir verbas. Mas coisas, como aluguel, água, luz, telefone e alguns profissionais, não são custeados pelo poder público, então precisamos desse dinheiro para dar conta desse serviço. ”, fala Cleidi sobre a destinação do recurso que será arrecadado.

O instituto atende pessoas de baixa visão, cegas e surdocegas, provenientes de famílias em vulnerabilidade social. Com a chegada do novo coronavírus, três eventos do INAV, como o Jantar às Cegas, precisaram ser cancelados para evitar aglomeração. A pedagoga afirma que o atendimento presencial também está afetado desde a chegada da doença na cidade.

“Desde o início, não paramos, fomos trabalhando por plantão. Então, alguns dos profissionais estavam constantemente no INAV, atendendo ao telefone, prestando auxílio psicológico, distribuindo cestas básicas e realizando atividades online para os alunos. Fizemos isso, pois comprovamos que era necessário esse atendimento.”, explica.

Caso não consiga participar do leilão, Cleidi afirma que há outros meios para ajudar a instituição. Primeiro, ela pede que as pessoas conheçam o trabalho do INAV, por meio das redes sociais ou pelo telefone 3226-6262. Após, o instituto aceita qualquer tipo de doação, desde alimentos até quantias em dinheiro.

O espaço funciona das 8h às 12h e das 13h30min às 17h30min.

Para ouvir a entrevista completa, clique na aba “Ouvir Notícia”.

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio São Francisco

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais