Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
00:00:00
Igreja no Rádio
05:00:00
 
 

Cookies e Política de Privacidade
A Tua Rádio utiliza cookies para personalizar conteúdos e melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Puma atropelado em Vacaria está estável e poderá ser devolvido à natureza

Baixar Áudio por Neto Ferreira

Animal agora é responsabilidade do IBAMA e deverá receber um rastreador via satélite

Foto: Divulgação

O estado de saúde do puma que foi atropelado na BR-116, próximo a divisa de Vacaria e Campestre da Serra, é estável mas ainda inspira cuidados. Ele teve uma fratura de escápula no episódio ocorrido no último domingo, 19/09. Além disso, ele já havia um trauma craniocefálico e medular e também necessita de tratamento de canal nos dentes, conforme o último boletim veterinário. O animal está sendo tratado no hospital veterinário da Universidade de Passo Fundo (UPF).

O leão baio, como é chamado na região, é o segundo maior felino da américa latina, ficando atrás somente da onça pintada. Avistamentos da espécie são comuns, especialmente nos Campos de Cima da Serra. Esse exemplar atendido pesa 45kg e é um jovem considerado forte pelos especialistas.

Conforme o biólogo Herbert Hasse Júnior, que atendeu o animal naquela noite junto com a veterinária Renata Kowalsky, o atropelamento de animais silvestres vem ocorrendo com mais frequência, tendo em vista que eles têm cada vez menos habitat natural. As mais diversas espécies precisam sair em busca de alimento e acabam ocorrendo os problemas. O desequilíbrio do meio ambiente torna essas cenas ainda mais comuns.

Agora o puma está sob a guarda do IBAMA e, pelo atual estado de saúde, a tendência é de que ele seja devolvido à natureza, possivelmente com um rastreador via satélite.

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio Fátima

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais