Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
09:00:00
Temática
12:00:00
 
 

PRF admite dificuldades para fiscalizar consumo de drogas ilícitas entre os motoristas

por Aldoir Santos

Falta ferramenta como tem o bafômetro no caso do álcool

Assunto foi debatido no Ponto Crítico(foto:RD Fátima)
Foto: Divulgação

A poucos dias um caminhoneiro e um caroneiro chegaram na sede da 6ª Delegacia da Polícia Rodoviária Federal em Vacaria com visíveis sinais alucinações por causa do efeito do consumo de drogas, especialmente cocaína. Conforme os policiais rodoviários federais a dupla apresentava fala desconexa com a realidade e ainda afirmavam que teriam sido assaltados.Os policiais ao checarem a situação confirmaram que nada teria ocorrido com o caminhão e nem com o motorista. Os dois foram encaminhados para a delegacia de polícia.

O chefe da PRF inspetor Fernando Secci observa que a delegacia se destaca entre as demais no Estado por fazer forte combate a embriaguez ao volante. Acrescenta que não há uma ferramenta disponível para identificar o consumo de drogas como tem o bafômetro no caso do álcool. A psicóloga Neiva Pacheco destaca que todas as drogas causam efeito no organismo e logo provocam impacto nas atividades rotineiras das pessoas.

O Amor Exigente elaborou uma cartilha que aborda vários aspectos relacionados a dependência química. Segundo a psicóloga o documento apresenta sugestões sobre prevenção e ainda aonde procurar ajuda para tratamento. A distribuição dessa cartilha deverá ocorrer nos próximos dias.

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio Fátima

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais