Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
09:00:00
Temática
12:00:00
 
 

Coordenadora de Educação afirma que presença de alunos em sala de aula não será obrigatório

Baixar Áudio por Leticia Giroto da Cunha

Pais que não desejarem levar seus filhos para as escolas serão responsáveis pela execução das atividades online

Foto: RD FÁTIMA

O governo do estado e a Federação das Associações de Municípios do Rio Grande do Sul (Famurs) se reuniram, na última terça-feira (1º), para debater sobre a retomada das aulas presenciais. O estado apresentou um cronograma, com a previsão de que as aulas comecem a ser retomadas pela educação infantil,a partir do dia 8 de setembro, nas escolas municipais e particulares. A proposta prevê que as restrições sejam levantadas, de forma escalonada, seguindo o protocolo do Estado.

A coordenadora da 23ªCRE de Vacaria, Cristina Boeira Fabris, explica que está foi uma sugestão do Governo e não necessariamente uma obrigação para os municípios seguirem. Segundo a coordenadora, mesmo que o município autorize o retorno da volta às aulas, os pais que não desejarem levar seus filhos para as escolas serão responsáveis pela execução das atividades online.  A professora chefe pedagógica da 23ªCRE Maristela Rigon, explica no caso de volta às aulas, os professores deverão planejar aulas para os alunos que estiverem presentes nas salas de aula e também para os que estiverem assistindo aulas de forma online. E ainda salienta que a conclusão do ano letivo está marcada para 08 de janeiro 2021.

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio Fátima

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais