Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
07:00:00
Conectado
09:00:00
 
 

Cientistas encontram na Austrália crateras de impacto de asteroide

Agência Lusa

As crateras, que tinham desaparecido com o passar do tempo foram descobertas pela equipe científica por meio da perfuração geotérmica

Parecem duas grandes estruturas, cada uma com cerca de 200 quilômetros
Foto: Reprodução

Um grupo de cientistas encontrou no centro da Austrália o que poderá ser a maior área formada pelo impacto de um asteroide que se partiu em dois. A equipe é liderada por Andrew Glikson, da Universidade Nacional Australiana. As duas antigas crateras têm materiais idênticos.

“Parecem duas grandes estruturas, cada uma com cerca de 200 quilômetros”, o que faria da área a de maior impacto de um meteorito que atingiu a terra, explicou Andrew Glikson em declarações à cadeia de televisão ABC.

As crateras, que tinham desaparecido com o passar do tempo foram descobertas pela equipe científica por meio da perfuração geotérmica feita nos estados da Austrália do Sul, de Queensland e dos Territórios do Norte.

“O impacto desse meteorito poderia ter causado o maior evento de extinção em massa, mas não sei quando foi e estamos trabalhando nesse sentido”, acrescentou o pesquisador, destacando que parte do interesse sobre o fenômeno é perceber se ele está relacionado com a extinção dos dinossauros.

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio Fátima

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais