Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
05:00:00
Tá na Hora
07:00:00
 
 

Médico alerta sobre a pneumonia e seus potenciais agravamentos

Baixar Áudio por Luiz Calderan

Conforme o pneumologista Tiago Simon, crianças e idosos são mais suscetíveis a doença

Foto: Freepik

Uma doença ainda prevalente e preocupante nos dias de hoje, a pneumonia, foi pauta nesta terça-feira, 09/04, durante o programa Temática, na Tua Rádio Cacique. O doutor pneumologista, Tiago Simon, integrante do corpo clínico do Hospital São Vicente de Paulo (HSVP) de Passo Fundo, abordou os aspectos que envolvem a pneumonia. Ouça a entrevista completa. 

O especialista explicou que a pneumonia é essencialmente uma infecção das vias aéreas inferiores, afetando o tecido pulmonar. Pode ser causada por diversos agentes, incluindo vírus, bactérias e fungos, sendo a forma bacteriana a mais comum e estudada. No entanto, nos últimos anos, com o surgimento de epidemias e pandemias virais, como a influenza e a Covid-19, houve um aumento no diagnóstico de pneumonias virais.

Quando o agente infeccioso vence as defesas imunológicas do corpo, ele se reproduz no trato respiratório, desencadeando uma reação inflamatória. Os sintomas comuns incluem febre, dor no corpo, tosse e produção de catarro, além de cansaço e falta de ar devido ao acúmulo de secreções nos pulmões.

Embora a maioria das pneumonias possa ser tratada em regime ambulatorial, há critérios para internação, especialmente em casos de pacientes debilitados. Crianças e idosos, são mais suscetíveis. 

As pneumonias virais são frequentemente transmitidas por contato, enquanto as bacterianas são adquiridas quando a imunidade do corpo está comprometida. Complicações graves da pneumonia incluem falência respiratória, choque circulatório, falência renal e intestinal, muitas vezes levando à morte. Por isso, a prevenção é fundamental, destacando-se a importância da vacinação contra influenza e COVID-19, além de evitar a automedicação e o uso indiscriminado de antibióticos.

O Dr. Simon enfatizou a importância de um estilo de vida saudável, incluindo uma alimentação balanceada, atividade física regular, sono adequado e cuidados com a saúde mental, pois todos esses fatores contribuem para um sistema imunológico forte e resiliente.

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio Cacique

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais