Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
09:00:00
Notícias da Hora
09:05:00
 
 

Dados do novo Observatório Regional da Saúde mantiveram a Serra Gaúcha na bandeira laranja

Baixar Áudio por Daniel Lucas Rodrigues

Grupo foi responsável por juntar os indicadores inconsistentes com os do governo estadual, a fim de que a Amesne apresentasse outras informações ao Estado

Foto: Vanessa Galiotto/Divulgação

A região de Caxias do Sul permaneceu na bandeira laranja do modelo de distanciamento controlado, após decisão do governador Eduardo Leite (PSDB) nesta segunda-feira (29/06). A manutenção da Serra Gaúcha ocorreu depois da Associação dos Municípios da Encosta Superior do Nordeste (Amesne) apresentar indicadores diferentes daqueles fornecidos pelo governo estadual ainda na sexta-feira passada, quando a região ficou preliminarmente na bandeira vermelha. Os números foram retirados do Observatório Regional da Saúde MacroSerra, que passou a funcionar na semana anterior.

Em entrevista à Tua Rádio São Francisco, o presidente da Amesne e prefeito de Cotiporã, José Carlos Breda (PP), conta que a reversão se deu por inconsistências encontradas nos dados do Governo do Estado. Segundo ele, os internados por Síndrome Respiratória Aguda Grave em UTI e os hospitalizados em leitos clínicos Covid-19 foram algumas das informações que estavam contraditórias. Estes erros no cálculo foram apresentados ao governo do estado durante o final de semana.

Além disso, Breda explica que houve uma mobilização para abertura de novos leitos na região. No final de semana, o presidente afirma que conversou com o executivo estadual e acordou que a Serra poderia abrir pelo menos 16 novos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) nesta semana. Em Caxias do Sul, estão programados dois leitos ao Hospital Círculo e mais sete para o Hospital Pompeia. Em Vacaria, o Hospital Nossa Senhora da Oliveira ganharia mais quatro leitos. E o Hospital São Carlos, de Farroupilha, teria mais três leitos. Breda ainda confirma que Canela está para abrir mais cinco leitos UTI, faltando apenas o aval da Vigilância Sanitária.

Agora, a região de Caxias do Sul permanece na bandeira laranja até a próxima semana, quando o governador Eduardo Leite apresentará novas determinações do modelo de distanciamento controlado para as regiões.

Clique na aba “Ouvir Notícia” e confira a entrevista completa com o presidente da Amesne e prefeito de Cotiporã, José Carlos Breda.

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais