Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
07:00:00
Conectado
09:00:00
 
 

Aulas não voltam para a Educação Infantil de Marau neste mês de setembro

Baixar Áudio por Ana Lúcia Jacomini

Decisão foi tomada em conjunto entre a Secretaria Municipal de Educação e os Colégios Cristo Rei e Gabriel Taborin

Irmã Vera, Simone e Janaina explicaram o assunto na programação da Tua Rádio Alvorada
Foto: Divulgação

 Mais de 75% dos pais de crianças matriculadas na Educação Infantil na rede municipal de ensino de Marau, não apoiam a volta as aulas presenciais neste momento. Já nas escolas particulares, a situação é inversa: no Colégio Cristo Rei 51% dos pais aprovam o retorno e no Colégio Gabriel Taborin o índice de aprovação ao retorno das atividades presenciais chega a 55%. A opinião dos pais foi medida através de questionário respondido pelas famílias. Ambas as redes trabalham juntas na tomada de decisões, visando o que classificam como “decisão saudável para todos”.

Conforme Simone Costenaro Ribeiro, Secretaria Municipal de Educação, em um universo de 2168 matrículas na rede pública (Educação Infantil), 1345 famílias responderam a pesquisa solicitada. Destas, 77% responderam que não autorizam a volta dos filhos para as escolas. No Colégio Gabriel Taborin, o questionário foi aplicado por séries, sendo que a ampla maioria (90%) respondeu às perguntas e no total, 55% disseram apoiar a volta das aula presenciais. Seguindo a mesma tendência, porém com margem um pouco menor, no Colégio Franciscano Cristo Rei de 600 crianças matriculadas, 504 famílias responderam a enquete e destas, 50,04% disseram que aceitam o retorno dos filhos às atividades presenciais.

De posse dos dados, a decisão tomada foi a de não retomar a atividades presenciais das crianças neste mês de setembro. De acordo com a secretária Simone, com a diretora do Cristo Rei, Irmã Vera Coutinho e com a diretora pedagógica do Gabriel Taborin, Janaina Betinelli, não se trata de ser contrário a volta às aulas, mas de um entendimento comum de que o retorno não deve ser pela Educação Infantil neste momento. E, ainda segundo ela, como o governo estadual definiu datas para a retirada das restrições para cada etapa escolar, Marau não pode antecipar, por exemplo, o retorno de alunos matriculados em outras séries como Ensino Médio ou Fundamental.

A próxima data, segundo calendário divulgado pelo Governo do Estado, é para os jovens do Ensino Médio. Para esta etapa, a restrição cai em 21 de setembro e as escolas particulares de Marau irão, ainda, definir se retornam e em que momento farão isso. Já as escolas estaduais, conforme anúncio da Secretaria de Estado da Educação, devem retomar as aulas presenciais para o Ensino Médio em 13 de outubro.

Em áudio, entrevista, na íntegra, sobre este assunto.

 

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais