Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
00:00:00
Igreja no Rádio
05:00:00
 
 

Jaime Rocha: música como paixão, culinária por vocação

por Pablo Ribeiro

DJ e empresário foi o entrevistado do programa Conectado Perfil, na manhã deste sábado (20)

Foto: Pablo Ribeiro

Neste sábado, dia 20 de abril*, é comemorado o Dia do Disco de Vinil. Para celebrar a data, o programa Conectado Perfil da Tua Rádio São Francisco recebeu o DJ e empresário Jaime Rocha. O rock and roll faz parte da carreira de Jaime, tanto nas pistas quanto na culinária, na tradicional hamburgueria, que leva seu nome. 

Ouça o programa:  PARTE 1  |  PARTE 2  |  PARTE 3

Jaime Rocha nasceu no município de Estrela, em 24 de setembro de 1962. É o caçula de sete irmãos. Os pais de Jaime, Antônio da Rocha e Lídia Maria Redante da Rocha eram naturais da cidade de Dois Lajeados e trabalhavam em frigoríficos. Devido às dificuldades, o casal se mudou para Estrela, onde, além de Jaime, nasceram outros dois irmãos. Cinco anos depois, a família decide se aventurar em Caxias do Sul. Aqui a família morou nos bairros Pio X, Marechal Floriano, São Pelegrino e Vila Gauchinha. Como aluno, Jaime estudou na Escola Dante Marcucci. “Foi uma infância feliz, onde a gente brincava na rua. Foi uma infância pobre, mas feliz”, conta.

Pela necessidade de ajudar os pais, ainda na infância, aos 12 anos, Jaime Rocha começou a trabalhar em lancherias, em Caxias do Sul. “Minha irmã mais velha, a Júlia, tinha um namorado, que era o João Carlos Moreira. Ele que começou a trabalhar em lancherias, na rede BaitaKão. Consequentemente, eu e meus irmãos começamos a trabalhar também”.

A música

Jaime começou a gostar de música muito cedo. “Eu me recordo que minhas irmãs, nos fins de semana, gostavam de ouvir músicas da Jovem Guarda. Eu como tinha que ajudar em casa, comecei a ter o gosto pela música muito cedo. Comecei a comprar meus discos por 1975 ou 76. Depois eu tinha um amigo meu, na época do Dante Marcucci, que tinha um poder aquisitivo um pouco mais alto que o meu, que é o Zolá Emílio Augusto, e a gente começou a conhecer mais, pois ele tinha bastante LPs, e foi onde eu adquiri meu gosto pelo rock. Foi por influência desse meu amigo, o Zolá”.

Quando Jaime tinha seus 14 anos de idade, seu cunhado, João Carlos já tinha seu trailer de lanches, na esquina da Rua Os Dezoito do Forte com a Alfredo Chaves, onde começou o Lanches Moreira. “Nos meus 16, 17 anos já comecei a ficar meio desconfortável por ter que trabalhar nos sábados e domingos, pois já queria ir mais pras festas”. Jaime então decide se aventurar na música e conhece o amigo Roque Moraes. “O Roque já era proprietário do Som Fantasy e ele me convidou pra ir numa festa. Naquela época eles colocavam som no Clube Avenida, que ficava na Avenida São Leopoldo. Eles faziam a domingueira ali e me convidou pra ir lá. Ele viu que eu gostava de música, gostava de rock, e eu comecei a frequentar os bailinhos. Dali foi um tapa pra entrar na equipe”, recorda.

Jaime iniciou a carreira no Som Fantasy no início dos anos 1980. “Nós começamos a ir pra Farroupilha, São Marco, Antônio Prado. Depois veio forte o Roda Viva, o Recreio Cruzeiro, o Rercreio Guarany, o Reno Piscina Clube. Ali a gente começou a ser visto. Eu entrei com aquele espírito rockeiro, então a gente se dedicava a tocar rock. Praticamente foram 25 anos em atividade o Som Fantasy”.

A paixão pela Banda Rolling Stones vem desde os anos 1970. “Foi aquela coisa de paixão pela primeira ouvida (risos). Naquela época a gente não tinha muito acesso a vídeos. No início dos anos 80 eu tinha um amigo que trazia uns vídeos da MTV americana, onde eu conheci melhor a banca, os trejeitos do Mick Jagger, pelo estilo meio irreverente. Então é uma paixão que eu tenho até hoje”.

Jaime Rocha também trabalhou como programador musical na extinta rádio People FM e por mais de seis anos comandou o programa Baú do Rock na também extinta Studio FM. “O Baú do Rock era um programete diário, que tinha insersões pela manhã, tarde e noite. Na época, o Eron Voesh me convidou pra fazer o Baú do Rock, que seria apresentado uma hora por semana, e quando começou era no sábado, das sete às oito da noite”.

A paixão pela música levou Jaime Rocha a voos mais altos. Ele já assistiu a quase 300 shows nacionais e internacionais. “Quando tu adquire a paixão pela música, e principalmente pelo rock, tu quer conhecer teus ídolos de perto. Meu primeiro show internacional foi do Van Halen, no Gigantinho, em 1983 ou 84. Só do Rolling Stones já assisti 16 shows, que é a minha banda do coração”.

O xis do Jaime

Um dos pontos de referência em matéria de lanches e baurus de Caxias do Sul é a Hamburgueria Jaime Rocha, com decoração inspirada na banda Rolling Stones. “Dentro da minha história, o hambúrguer veio antes da música”, conta Jaime, que, afinal, teve o primeiro emprego em casa de lanches.

Após a passagem pelo Som Fantasy, em meados dos anos 1990, Jaime começou a fase de transição. “Eu, como já sabia e dominava bem esse ramo do xis, tive uma oportunidade de trabalhar como gerente na casa de lanches do meu irmão Jarico, o Belvedere Parque Lanches, que era na Dezoito do Forte, na escadaria do parque. Meu irmão é treinador de futsal e me ofereceu o Belvedere pra eu administrar, e eu fui. No início dos anos 2000, a gente teve que sair desse local e meu irmão me convidou pra gente continuar a sociedade. Eu fiquei procurando lugares e consegui esse lugar que estou até hoje, na Rua Marquês do Erval. Na época a gente não se acertou na sociedade e resolvi seguir minha vida sozinho, e montei ali a Hamburgueria Jaime Rocha. Hoje (20 de abril) estamos completando 18 anos”.

Jaime Rocha é casado com Simone, com quem tem a filha Lídia. Ele também é pai de Greta, fruto do seu primeiro casamento. Em 2012, o DJ e empresário recebeu o título de Cidadão Caxiense. Atualmente, Jaime também atua como apresentador do programa Baú do Rock, na rádio UCS FM.

*20 de abril - Dia do Disco de Vinil

A comemoração do Dia do Disco de Vinil surgiu em homenagem ao músico Ataulfo Alves, que morreu em 20 de abril de 1968.

Dez anos depois, em 1978, no Rio de Janeiro, os saudosistas e colecionadores de discos decidiram dedicar esta data para celebrar a sua paixão pelo vinil.

Fonte: https://www.calendarr.com/brasil/dia-do-disco/

 

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais