Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
19:00:00
A Voz Do Brasil
20:00:00
 
 

Serra Gaúcha é o próximo destino do Movimento pela Educação

por Ana Lúcia Jacomini

O evento está marcado para a próxima sexta-feira, 30/06, no Auditório Central da Fundação Casa de Artes de Bento

Foto: Rodrigo Rodrigues/ALRS

Após Marau, Restinga Seca e Santana do Livramento sediarem encontros do Movimento pela Educação, Bento Gonçalves será o próximo município a receber o debate sobre a qualidade do nosso sistema de ensino. O evento está marcado para a próxima sexta-feira, 30/06, no Auditório Central da Fundação Casa de Artes, e terá início às 9h. A temática Educação para o Desenvolvimento foi escolhida pelo presidente do Parlamento, deputado Vilmar Zanchin, para nortear os trabalhos do legislativo gaúcho durante o ano de 2023. 

“A educação é um assunto de interesse de todos e o Parlamento não pode ficar fora desta discussão. Estamos incluindo o nosso legislativo nos debates para, em conjunto com o Executivo e com a sociedade, construir uma educação em direção ao desenvolvimento”, afirmou Zanchin. Para debater o assunto, estarão presentes como painelistas a secretária Municipal de Educação de São Francisco de Paula, Ana Paula Ferreira Cruz Bennemann, o coordenador Executivo do Pacto pela Educação, Leandro Duarte Moreira, e o empresário e ex-presidente da Tramontina, Clóvis Tramontina.

A palestra, nesta edição, será ministrada pelo ex-secretário de Educação do Espírito Santo e coordenador do Movimento Profissão Docente, Haroldo Rocha. O Espírito Santo é referência no aprendizado de seus alunos. Ao todo, serão realizados nove encontros do Movimento pela Educação em municípios de cada uma das Regiões Funcionais do Estado. Além dos encontros, o presidente Zanchin está trabalhando junto de sua equipe técnica, e com o apoio de consultores renomados nacionalmente, como a professora Claudia Costin, o ex-ministro Rossieli Soares, entre outros, na formulação de um Marco Legal da Educação Gaúcha. 

O objetivo é observar experiências que deram certo em diferentes locais do Brasil, como Ceará, Pernambuco e São Paulo, e reproduzi-las no Rio Grande do Sul. Entre os eixos prioritários desse trabalho estão a alfabetização no tempo certo (até o término do 2º ano do Ens. Fundamental), o ensino médio em tempo integral com introdução à profissionalização, o fortalecimento da carreira docente e a expansão do uso da tecnologia em sala de aula. “Estamos conversando com grandes referências da área da educação. Por meio das boas práticas, dos exemplos que vêm gerando bons resultados, podemos pensar em soluções aplicáveis ao Rio Grande do Sul”, afirma o presidente da Assembleia, Vilmar Zanchin.

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais