Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
00:00:00
Igreja no Rádio
05:00:00
 
 

CIC de Caxias do Sul entrega solicitações para mudanças na política das bandeiras ao governador Eduardo Leite

Baixar Áudio por Daniel Lucas Rodrigues

Documento foi encaminhado nesta quinta-feira (16/07), com assinaturas de instituições privadas e públicas da região da Serra Gaúcha

Foto: CIC Caxias do Sul/Divulgação

A Câmara de Indústria, Comércio e Serviços (CIC) de Caxias do Sul enviou uma correspondência ao governador Eduardo Leite solicitando mudanças na política do Modelo de Distanciamento Controlado do Rio Grande do Sul (RS), feito para o combate à Covid-19. O documento foi entregue nesta quinta-feira (16/07), com assinaturas de prefeitos, entidades patronais, deputados estaduais, presidentes de sindicatos e empresários da Região da Serra Gaúcha.

Entre os pedidos, estão fornecer mais autonomia aos prefeitos para lidar com os protocolos do governo estadual e flexibilizar algumas restrições de atividades econômicas contidas nas bandeiras, principalmente na vermelha e na preta. Em entrevista à Tua Rádio São Francisco, o presidente da CIC de Caxias, Ivanir Gasparin, visualiza que o principal objetivo é estabelecer uma rede de diálogo com o governador, mostrando as preocupações da classe empresarial nesta pandemia. Nesta falta de comunicação, ele cita que os líderes dos executivos municipais não possuem poder de escolha para a cor das bandeiras e observa que a Macrorregião de Caxias do Sul deveria sofrer desmembrada em pequenas regiões, a fim de evitar ações mais rígidas a cidades com indicadores baixos referentes ao novo coronavírus.

Quanto às flexibilizações, o Governo do Estado permitiu nesta semana que certas atividades fossem retomadas, respeitando as medidas sanitárias no RS. Para o comércio não essencial, os estabelecimentos podem atuar na bandeira vermelha, mediante atendimento por drive-thru ou pegue e leve. Gasparin avalia que essa pequena liberação auxilia os setores, mas acredita que o Estado precisa realizar mais políticas econômicas. Ele crê que esse intervalo de menos de uma semana para escolher qual a bandeira que as regiões vão ficar, impacta as atividades.

O melhor modelo

O presidente da entidade afirma que, mesmo com algumas oposições às decisões de Eduardo Leite, o Modelo de Distanciamento Controlado é a melhor opção para lutar contra a Covid-19. Ele destaca que só quer alterar poucos critérios do programa e pede que o governo estadual seja mais presente na disponibilização de ajuda sanitária aos municípios da região. Gasparin crê que os prefeitos e as entidades empresariais estão colaborando para a saúde da Serra Gaúcha e o governador necessita propor uma solução, como fornecer novos leitos ou construir hospitais de campanha para aumentar a capacidade de atendimento.

Gasparin confia que Leite responderá as reivindicações do empresariado, mesmo com as pressões sofridas desde o início da pandemia no RS. Por fim, ele acha que Caxias do Sul voltará para a bandeira laranja. A justificativa seria que os prefeitos se mobilizaram para custear recursos à prevenção do vírus, como abrindo novos leitos.

Confira a entrevista completa na aba "Ouvir Notícia".

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais