Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
14:00:00
Em Alta
18:00:00
 
 

Cookies e Política de Privacidade
A Tua Rádio utiliza cookies para personalizar conteúdos e melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Nova Prata renova estado de calamidade pública em decorrência da Covid-19

por Larissa Macena

Com máxima lotação nos hospitais e aumentos dos casos, o município publicou decreto, com vigência até 7 de março, acatando as determinações estaduais.

Foto: Divulgação

Com a atualização do Decreto Municipal do Distanciamento Controlado em Nova Prata, devido a classificação da bandeira preta e o cancelamento do Modelo de Congestão, o município seguirá as regras restritas do Governo do Estado. O novo decreto renova o estado de calamidade em saúde pública, até o dia 07 de março de 2021.  O Estado do Rio Grande do Sul bateu recorde de 89 mortes em 24 horas, com hospitais superlotados, prontos socorros com novos casos e a taxa de mortalidade em UTI chega a 70% dos casos.

Em Nova Prata, o Hospital São João Batista chegou a sua lotação máxima, os atendimentos na emergência para atendimento respiratório chegaram ao seu nível mais alto e os níveis de internados de Covid-19 só cresce devido as festas ocorridas no carnaval. No dia 25 de fevereiro, uma paciente, enquanto aguardava leito de UTI, faleceu. No hospital, as cirurgias foram canceladas, seguindo determinação do governo, pela sua superlotação e pelo receio de falta de medicamentos de sedação para pacientes em ventilação mecânica.

Ainda, o município recebeu 300 doses de vacinas contra a Covid-19, para primeira dose, e mais algumas doses para a segunda aplicação em idosos. A vacinação com as vacinas de Oxford, será realizada na terça-feira, dia 02 de março, para pessoas de 83 e 84 anos; na quarta-feira, idosos com 81 e 82 anos, na modalidade de Drive-tru, sem aglomeração na Rua Flores da Cunha, das 8h às 11h45min e das 13h30min às 15h. Os acamados serão vacinados em suas residências pelos profissionais de saúde do município.

O Médico Guilherme Savaris Schossler, da Secretaria Municipal da Saúde e Coordenador do Comitê Municipal de Enfrentamento à Covid-19, em vídeo, faz um apelo para que as pessoas respeitem o distanciamento, afim de conter o número de internados, bem como, diminuir a transmissibilidade.

Ação judicial para pedir reforço na segurança

Durante entrevista à Tua Rádio Veranense, o Prefeito de Nova Prata, Alcione Grazziottin, afirmou que o município entrou com uma ação judicial contra o Governo do Estado do Rio Grande do Sul, pedindo em regra, reforços para a Brigada Militar, para que haja o auxílio na fiscalização e, consequentemente, no cumprimento das regras. O pedido foi deferido em favor do município, determinando que o Estado do Rio Grande do Sul cumprisse essas condições sob pena de multa.

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio Veranense

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais