Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
19:00:00
A Voz Do Brasil
20:00:00
 
 

Papa Francisco comemora quatro anos de pontificado

por Marco Aurélio Santana

O Pontífice tem despertado nestes quatro anos uma popularidade, apoiado pelos meios de comunicação e uso de teclologias

Foto: Divulgação

Francisco comemorou  nesta segunda-feira 13,  mais um aniversário de pontificado, é o primeiro  latino-americano, o primeiro pontífice do hemisfério sul, o primeiro papa a utilizar o nome de Francisco, o primeiro pontífice não europeu em mais de 1200 anos[4] e também o primeiro papa jesuíta da história.

Ao ser eleito, o novo pontífice escolheu o nome de Francisco. Segundo o próprio, uma referência a Francisco de Assis fazendo referência à “sua simplicidade e dedicação aos pobres” e motivado pela frase dita por Dom Cláudio Hummes, arcebispo emérito de São Paulo, logo após sua eleição, ainda na Capela Sistina: “Não esqueça dos pobres”.

Papa Francisco apareceu ao povo na sacada central da Basílica Vaticana o 13 de março de 2013 e dirigiu-se à multidão presente na Praça São Pedro, dizendo:

“Irmãos e irmãs, boa noite! Vocês sabem que o objetivo do Conclave era eleger o Bispo de Roma. Meus irmãos Cardeais foram buscá-lo quase ao fim do mundo… Por isso, eis-me aqui! Agradeço a todos pela acolhida. Agora, a comunidade diocesana de Roma tem o seu Bispo. Obrigado!”.

A seguir acrescentou: “E agora iniciamos este caminho, o Bispo com seu Povo… o caminho da Igreja de Roma que preside a todas as outras Igrejas na caridade. Um caminho de fraternidade, de amor, de mútua confiança. Rezemos sempre uns pelos outros. Rezemos por todo o mundo, para que haja uma grande fraternidade. Espero que este caminho eclesial, que hoje começamos, com a ajuda do Cardeal Vigário, aqui presente, seja frutuoso para a evangelização desta Cidade tão bela!”.

E concedeu a sua Bênção Apostólica. Antes, porém, pediu aos presentes: “Antes que o Bispo abençoe o povo, peço-lhes que rezem ao Senhor para que me abençoe: é a oração do povo, pedindo a Bênção para o seu Bispo. Façamos em silêncio esta oração por mim”.

O Papa inclinou a cabeça por alguns momentos e todos na Praça fizeram silêncio. E Francisco deu a sua primeira Bênção “Urbi et Orbi”, aos fiéis de Roma e do mundo inteiro, e concluiu: “Boa noite e bom descanso!”.

Uma reforma-chave foi a de melhorar a transparência nas finanças vaticanas para ampliar seus programas de ajuda aos mais necessitados da sociedade.

Nestes quatro anos de pontificado  emitiu documentos importantes.

Lumen fidei (Luz da Fé), foi publicada em 5 de julho de 2013, a primeira encíclica do seu pontificado, que havia sido iniciada pelo seu antecessor, Bento XVI.

Exortação Apostólica Evangelii Gaudium (Alegria do Evangelho), publicada em 24 de novembro de 2013, sobre o anúncio do Evangelho no mundo atual.

Laudato si’ (Louvado Seja), foi publicada em 18 de junho de 2015, apela à uma ecologia integral, pede o cuidado com a casa comum, faz duras críticas à devastação ambiental, ao modelo de desenvolvimento vigente, à falta de responsabilidade com os mais pobres.

Exortação Apostólica Amoris laetitia (Alegria do Amor), publicada em 08 de abril de 2016, sobre a alegria do amor na família.

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio Veranense

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais