Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
00:00:00
Igreja no Rádio
05:00:00
 
 

Campanha para reconstrução da ponte em Cotiporã já soma cerca de R$ 40 mil em doações

por Daniela Affonso

A região une forças a fim de possibilitar o acesso com Bento Gonçalves e outros municípios

A ponte não resistiu às intensas chuvas e teve grande parte da pista levada pelas águas na última quarta-feira (15)
Foto: Alessandra Bernardi | Tua Rádio Veranense

Em cerca de 24h, a campanha de arrecadação de fundos para as obras de reconstrução da ponte entre Cotiporã e Bento Gonçalves, já soma R$ 38 mil em doações. De acordo com a Associação Comercial Cultural e Industrial de Veranópolis (Aciv), até agora foram 189 trânsferências via pix, com valores entre R$ 1,98 e R$ 5 mil. 

As doações podem ser feitas através do Pix para a conta da Aciv, que irá gerir os recursos, garantindo a trasparência, com prestações de conta semanais. A chave para colaborar com essa ação é [email protected]. Além da entidade veranense, o Centro da Indústria, Comércio e Serviços (CIC Serra) apoia a ação, bem como representantes de outros municípios e instituições financeiras, como o Sicredi. 

Os poderes públicos da região também estão engajados com a reconstrução da ponte, que garantirá a liberação da principal rota alternativa com municípios como Bento Gonçalves e Caxias do Sul. Os trabalhos na Serra das Antas, de acordo com o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), demorarão meses. Por isso, a urgência na reconstrução da ponte, que não resistiu às intensas chuvas e teve grande parte da pista levada pelas águas na última quarta-feira (15).

"Uma dúvida muito grande que as pessoas têm é porqueo estado não fez. Porque não cobramos dos políticos, que essa ponte seja feita. A resposta é simples: pela urgência. E neste momento em que estamos com uma demanda milionária, bilionária, dentro do nosso estado, porque não juntar forças e fazer isso de uma forma mais rápida, mais eficiente", afirma a presidente da Aciv, Rubia Cenci Freitas. 

Projetos 

De acordo com o prefeito de Cotiporã, Ivelton Mateus Zardo, o valor do investimento ainda não pode ser divulgado com precisão. A engenharia de Bento Gonçalves está realizando esboço de projeto, com apoio de outros municípios como Veranópolis. Além disso, tem várias empresas do sertor de metal e concreto, que irão avaliar o local na próxima semana. 

"Vamos depender de uma troca de informações para ver o que é melhor. Porque é um peojeto com muito risco. Se tem um estudo prévio, mas calculo de R$ 3 a R$ 4 milhões uma ponte desse tamanho", afirma Zardo. 

As opções são em estrutura metálica e chapa de concreto. Está sendo estudada a possibilidade de construir uma ponte mais larga, de 1,5 metros de altura. Entretanto, será necessário avaliar projetos, a fim de evitar que novas enchentes possam causar prejuízos. 

Outro ponto que é muito questionado, se refere à capacidade de carga suportada peça rodovia. A previsão, segundo o prefeito Ivelton, é de a ponte permitir a passagem de veículos de até 30 toneladas. 

 

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio Veranense

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais