Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
14:00:00
Programa de Domingo
19:00:00
 
 

Rock'n Roll: gênero que conquistou o mundo com o contraponto da notas musicais marcantes e letras sensíveis

Baixar Áudio por Ana Júlia Griguol

13 de julho: Dia Mundial do Rock

Foto: Divulgação

No dia 13 de julho, o mundo homenageia o ritmo musical que revolucionou e marcou gerações: o rock’n roll. O Dia Mundial do Rock surgiu quando o primeiro Live Aid foi celebrado, em 1985. Ao mesmo tempo que ganhou o esteriótipo de ser um ritmo acompanhado por sexo e drogas, o gênero levantou multidões com letras esclarecidas, críticas e bonitas, expressando sentimento e sensibilidade nas notas marcantes das guitarras, baterias e baixos. 

Live Aid e o marco na história do Rock

O evento foi um festival de música beneficente, destinado a arrecadar fundos para as vítimas da fome na África, e aconteceu simultaneamente em Londres e na Filadélfia, considerado o maior show de rock da história, organizado por Bob Geldof, vocalista da banda Boomtown Rats. Além de épico no cenário musical, o show foi exaltado na comunidade, tendo em vista seu viés social, onde todo o valor arrecadado durante o evento foi revertido para fundos de combate à fome e à miséria na África. 

O show contou com a presença de músicos e bandas como Paul McCartney, The Who, Elton John, Boomtown Rats, Adam Ant, Ultravox, Elvis Costello, Black Sabbath, Run DMC, Sting, Brian Adams, U2, Dire Straits, David Bowie, The Pretenders, The Who, Santana, Madona, Eric Clapton, Led Zeppelin, Duran Duran, Bob Dylan, Lionel Ritchie, Rolling Stones, Queen, The Cars, The Four Tops e Beach Boys. 

Os dois shows realizados – o primeiro no Wembley Stadium de Londres, Inglaterra, e outro no JFK Stadium na Filadélfia, EUA – foram transmitidos pela televisão para mais de 140 países, atingindo a marca de 2 bilhões de telespectadores. Em 16 horas de apresentações, o Live Aid conseguiu arrecadar mais de 100 mil dólares, sendo a prova que o rock era consciente, responsável, solidário e preocupado com o mundo. 

Rock no mundo

Os anos 80 são marcados por uma diversificação gradativa do rock. Embora muitas bandas desta época cultivarem um forte apelo contestador, muitos críticos lamentam a descontinuidade do puro rock n roll. É a vez do Pop Rock e da New Wave fazerem sucesso ao ritmo do The Cure, New Order, Bon Jovi, Talking Heads, The Clash, e The Police. No Brasil Raul Seixas, Cazuza, Legião Urbana, Cassia Eller, Rita Lee fazem história e muitas outras bandas surgem e garantem o sucesso na mídia, como os Paralamas do Sucesso, Capital Inicial e Ira!.

Atualmente o rock convive com muitos estilos e influências. Houve fusão com praticamente todos os ritmos existentes, até mesmo com o samba, ao suingue de Jorge Ben. Muitos outros instrumentos musicais se juntaram às guitarras, baixos e baterias. Elementos eletrônicos também são muito utilizados e várias releituras são feitas, mas as características que identificam o rock são eternas.

Acompanhe a matéria especial no áudio produzida por Dirceu Tedesco para o Dia do Rock, com participação da Tassiana Paludo, Joni Maziero e Cláudio Machado Reali. 

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio Veranense

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais