Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
12:10:00
No Ponto
14:00:00
 
 

Mais de 30 municípios do Rio Grande do Sul estão em estado de emergência por conta da estiagem

por Bruno Roso

Entre as prefeituras que já contabilizaram prejuízos, está Camaquã, com prejuízo estimado em R$ 70 milhões nas lavouras

Fonte: Reprodução/Internet
Foto: Divulgação

 

No último boletim divulgado pela Defesa Civil do Rio Grande do Sul, 31 municípios estão em estado de emergência devido à estiagem. Na região, as cidades de Marau, Camargo e Vila Maria estudam decretar estado de emergência também. Nas três cidades as perdas nas lavouras de milho ultrapassam os 70%, segundo estudo da EMATER.

Ações por parte do governo estadual já foram tomadas.  Ainda na sexta, 10/01, o governador Eduardo Leite, afirmou que vai autorizar liberação extra para a perfuração de poços nas regiões atingidas pela falta de chuvas significativas. No momento, o governo conta apenas com três máquinas para realizar o processo de abertura de poços, número considerado insuficiente frente à necessidade.

Entre as prefeituras que já contabilizaram prejuízos, está Camaquã, com prejuízo estimado em R$ 70 milhões nas lavouras, especialmente, de fumo, milho, soja e feijão. Em Pantano Grande, o rombo é de R$ 50 milhões, atingindo soja, milho, feijão e leite. A lista de municípios que decretaram a situação de emergência são as seguintes: Chuvisca ; Cerro Grande do Sul; Sertão Santana; Barão do Triunfo; Camaquã; Mato Leitão; Encruzilhada do Sul; Mariana Pimentel; Pantano Grande; Sinimbu; Venâncio Aires; Amaral Ferrador; Cerro Branco; Cristal; Passo do Sobrado; Ponte Preta; Progresso; Santa Cruz do Sul; Boqueirão do Leão; Dom Feliciano; Vale do Sol; Vale Verde; São Gabriel; Lagoão; Canguçu; Agudo; Sobradinho; Arroio do Meio; Cachoeira do Sul; Gramado Xavier e Rio Pardo.

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio Veranense

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais