Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
07:00:00
Conectado
09:00:00
 
 

Policiais militares do 3º Batalhão flagraram crime contra a fauna e posse ilegal de arma de fogo em Serafina Corrêa

por Eduardo Cover Godinho

Homem foi detido com espingarda cal 36 (Marca Boito) com silenciador e numeração raspada. Petrechos foram apreendidos

O Comando Ambiental da Brigada Militar (CABM), através dos policiais do 3º Batalhão Ambiental da Brigada Militar (3º BABM) – 2ª Companhia de Polícia Ambiental de Caxias do Sul, realizou mais uma ação de fiscalização para evitar a pesca predatória na “piracema” no rio Carreiro. Na madrugada da quinta-feira, dia 26 de novembro, a guarnição, em patrulhamento embarcado na zona rural de Serafina Corrêa, proximidades da Pequena Central Hidrelétrica (PCH) Boa Fé, flagrou um homem cometendo crime ambiental e de posse ilegal de arma de fogo.

Durante o patrulhamento, com objetivo principal de coibir e prevenir a pesca predatória durante período de defesa da fauna, os policiais do 3º BABM visualizaram e abordaram o homem, que estava em uma embarcação pescando, com petrechos proibidos no período da piracema. Em buscas realizadas no acampamento, a guarnição ambiental encontrou uma espingarda cal 36, marca Boito, com silenciador e numeração raspada. Além disso, apreenderam três varas de pesca com molinete, três varas de pesca de bamboo, um remo, uma bateria veicular, um motor de popa elétrico, 16 esperas de pesca, dois apitos usados para caça de aves silvestres, cinco peixes (espécie traíra) e uma cortina camuflada usada para caça.

Após cientificado do crime ambiental e da ilegalidade da arma, o homem foi conduzido para a Delegacia de Polícia Civil (DP), de Serafina Corrêa, para os procedimentos legais. Os petrechos foram apreendidos, bem como a arma para investigação. O homem responderá por crime ambiental.

Central de Conteúdo Unidade Aurora

Enviar Correção

Comentários