Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
20:00:00
Tua Essência
23:59:00
 
 

Guaporé não registra nenhum caso confirmado da Covid-19

por André Fabio Bresolin

Nove pessoas apresentaram sintomas da doença e tiveram a coleta encaminhada ao Lacen. Sete foram descartados e dois seguem em análise

Na região, os municípios de Serafina Corrêa (3), Paraí (2), Anta Gorda (2), São Domingos do Sul (1) e Vila Maria (1) apresentam casos
Foto: Divulgação

O Governo do Rio Grande do Sul, através da secretaria Estadual de Saúde, acompanha diariamente a situação do novo coronavírus (Covid-19). Os dados, atualizados na quarta-feira, dia 8 de abril, apontam para 555 casos confirmados em 71 municípios. Nove pessoas, sendo cinco em Porto Alegre, duas em Novo Hamburgo, uma em Alvorada e outra em Ivoti, perderam a vida após testarem positivo para a doença. Entre os confirmados, a maior incidência está entre as pessoas de 30 a 39 anos (109), seguido dos 60-69 (100). Entre a incidência por 100 mil habitantes o Estado ocupa a 12ª posição na Federação com 4,88 e taxa de letalidade com 1,6%

Guaporé, conforme os profissionais do Comitê de Operações de Emergência (COE), não registra nenhum caso confirmado do novo coronavírus. No total, nove pessoas apresentaram sintomas da doença e tiveram a coleta encaminhada para o Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen). Destes, sete foram descartados e dois seguem em análise com resultados que devem ser divulgados nos próximos dias.

“Dois exames estão no Lacen e demoram até sete dias. Sabemos que deixa a comunidade apreensiva. Mas não estamos inventando e nem escondendo. O fato é: temos sintomáticos respiratórios na cidade? Temos. Muitas pessoas estão em casa com sintomas? Sim. Qual é o número? Sempre costumo dizer que para mim não interessa a quantidade, mas se a pessoa está bem e se precisa de atendimento. São duas coisas que não abro mão. Na ciência, nem sempre um mais um é igual a dois. Por isso temos que ter cuidado”, afirmou a enfermeira Regina Fin, que integra o COE.

Ela tranquiliza a comunidade, porém, pede que continuem respeitando os pedidos das autoridades em saúde.

“A situação de Guaporé está mais ou menos calma devido às medidas de enfrentamento que foram tomadas para evitar a disseminação da Covid-19. Isso não significa que não teremos casos. Sim, Guaporé vai ter casos positivos. Gostaríamos que não tivesse, mas isso será inevitável. Nós não vamos passar em branco. Guaporé não é exceção. Alguma coisa vai respingar. Vamos ter que ter manejos clínicos de pessoas mais graves e transferências como em todas as cidades”, destacou Regina Fin.

Desde que a pandemia foi declarada pela Organização Mundial de Saúde (OMS), Guaporé passou por várias fases desde o isolamento das pessoas que retornavam de viagens e seus familiares, total isolamento social (quarentena) – que permanece com menos rigor, e agora todos os sintomáticos respiratórios.
“O protocolo manda que se uma pessoa tiver com síndrome respiratória (sintomas) ela deve ficar em casa e a sua família também deverá ficar. Estamos numa época de transmissão onde não sabemos quem está transmitindo para quem. Por isso são tomados todos os cuidados. Tudo o que está sendo realizado dentro dos protocolos, normais e orientações do Ministério da Saúde. Acredito que tudo dará certo”, salientou.

Conforme Regina, ainda não há informações precisas de quando Guaporé receberá os testes rápidos para análise dos casos suspeitos da Covid-19.

Casos confirmados

Na região, os municípios de Serafina Corrêa (3), Paraí (2), Anta Gorda (2), São Domingos do Sul (1) e Vila Maria (1) apresentam casos da Covid-19. Destes, conforme informações dos boletins epidemiológicos, cinco pacientes estão curados.

Central de Conteúdo/Rádio Aurora 107.1 FM
Rede Scalabriniana de Comunicação
Siga-nos no Instagram: @rdauroraguapore

Central de Conteúdo Unidade Aurora

Enviar Correção

Comentários