Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
 
 

Liga Feminina de Combate ao Câncer e LEO Clube Guaporé promoverão o “3º Cachorro-Quente Solidário”

por Eduardo Cover Godinho

Foram disponibilizados mil ingressos ao valor de R$ 10,00 cada. Sistema de retirada, devido à pandemia da Covid-19, será em drive-thru

A pandemia do coronavírus (Covid-19), que virou completamente o mundo de cabeça para baixo ao longo de 2020, prejudicou as ações programadas pela Liga Feminina de Combate ao Câncer de Guaporé nas comemorações do Outubro Rosa. A entidade, que há 43 anos colabora com exames e medicamentos centenas de mulheres e homens que enfrentam o câncer, havia decidido que não faria nenhuma atividade que pudesse gerar a aglomeração das voluntárias, pacientes e de pessoas da comunidade que apoiam a causa. Por contar com membros que fazem parte do grupo de risco, a diretoria cancelou a “Caminhada pela Vida”, os agendamentos de mamografia e ações de saúde aos sábados na praça Vespasiano Corrêa, entre outras.

Porém, os jovens do LEO Clube Guaporé, presididos por Anna Júlia Roman, decidiram, assim como acontece anualmente, fazer acontecer. Eles, com a posição favorável das voluntárias da entidade, resolveram realizar a 3ª edição do “Cachorro-Quente Solidário”. O evento de sucesso e com aceitação incrível da comunidade está marcado para o dia 31 de outubro, das 11h30min às 14h, no pátio da Igreja Matriz Santo Antônio e Salão Paroquial.

Na primeira edição, foram comercializados 300 cachorros-quentes. Em 2019, a comunidade, sempre solidária, adquiriu 1,5 mil ingressos e proporcionou uma excelente arrecadação aos cofres da Liga Feminina, bem como, muita emoção e alegria para cada uma das voluntárias. Neste ano, conforme a presidente Luli Marca e o integrante do LEO Clube Guaporé e presidente nacional da entidade Arthur Mainardi, mil ingressos, ao valor de R$ 10,00 cada, foram disponibilizados e praticamente todos foram comercializados. Restam pouquíssimas unidades.

“Acreditávamos no sucesso da campanha, assim como foram nas duas edições realizadas. Muitos querem que façamos uma quantidade maior de cachorros-quentes, porém, não há possibilidade. A equipe da cozinha e de entrega serão reduzidas em virtude das medidas sanitárias. A vontade era fazer o dobro do que vamos comercializar, mas deixamos para uma outra oportunidade que não irá faltar. Agradecemos o carinho da comunidade. Sem vocês, a luta das vitoriosas não seria possível”, disseram Luli e Arthur.

Luli complementou:

“Além da comunidade que adquire sempre os ingressos, temos um empresariado que colabora. Tudo o que necessitamos para fazer os cachorros-quentes foi doado, ou seja, desde o pão até o molho. O valor total da comercialização entrará direto no caixa da Liga Feminina, sem que tenhamos despesas. Não temos palavras para agradecer o empenho destes anjos do LEO Clube e LIONS, dos empresários e de cada guaporense que está ao lado de quem realmente necessita”.

A retirada dos cachorros-quentes, em virtude da pandemia, será diferente das edições anteriores. O sistema “drive-thru” agilizará e evitará o contato direto com os participantes. Os veículos entrarão por um lado da Igreja Matriz farão o retorno atrás do templo religioso e sairão pelo outro portão. Uma estrutura (gazebo) estará montada para a entrega.

O “3º Cachorro-Quente Solidário” conta com apoio do Lions Clube Guaporé.

Central de Conteúdo Unidade Aurora

Enviar Correção

Comentários