Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
00:00:00
Igreja no Rádio
05:00:00
 
 

Governador deixa em aberto a forma como vai contribuir com o aeroporto de Vila Oliva

Baixar Áudio por Isadora Helena Martins

Eduardo Leite esteve em Caxias nesta quarta-feira para cumprir agenda com o empresariado caxiense

Foto: Isadora Martins

O Governador Eduardo Leite (PSDB) esteve em Caxias do Sul nesta quarta-feira (05) para cumprir uma agenda com empresários do município e região. Pela manhã, ele se reuniu com lideranças que compõe o programa Transforma RS nas empresas Randon.

Após, ele participou da reunião-almoço da Câmara de Indústria Comércio e Serviços (CIC) de Caxias do Sul como palestrante, onde falou sobre os desafios e oportunidades do Rio Grande do Sul. Por diversas vezes, Leite destacou a aprovação da reforma estrutural no funcionalismo público do estado, na Assembleia Legislativa, no início deste ano.  Segundo o governador, a medida vai gerar uma economia de R$ 18 bilhões em 10 anos.

Em coletiva de imprensa, o governador também falou sobre as tratativas com o município sobre o aeroporto regional de Vila Oliva. “Continuam as desapropriações sobre a responsabilidade da Prefeitura de Caxias. Estamos observando as outras obrigações assessórias. Em princípio mantem-se o projeto sendo conduzido pelo Município junto à Secretaria de Aviação Civil. O importante é: há entendimento entre a prefeitura e o governo do Estado, sem jogarmos responsabilidades um para o outro. O que for necessário o Estado fazer, será feito; se for necessário aporte de recursos, será feito aporte de recursos”, destacou.

Quanto à reforma tributária, que é uma das principais reivindicações do empresariado da região, Leite afirmou que o projeto deve ser enviado à Assembleia no primeiro semestre deste ano. “Temos a expectativa de que no primeiro semestre deste ano a gente dê curso à reforma na estrutura tributária do RS que envolve ICMS, o IPVA, ITCMD. Todas as taxas e todas as fontes de renda do Estado sendo revisadas com foco na redução da carga tributária”, declarou.

O governador ainda afirmou que a reforma tributária e a geração de recursos extras são fundamentais para colocar o pagamento dos servidores em dia: “A colocação dos salários em dia depende da geração de receitas extraordinárias para Estado. Nós precisamos gerar R$ 1,5 bilhão, o valor de uma folha, suficiente para que possamos livrar da demanda mensal o pagamento de passivos que herdamos e assim colocar os pagamentos em dia”.

Ainda com foco na Serra Gaúcha, Leite afirmou que o estudo para a concessão das rodovias, entre elas a ERS-122, já está em andamento. Ele não definiu o prazo em devem ocorrer as concessões, mas salientou que o processo deverá ser ágil: “Nós entendemos que são concessões que vão sair bem mais rápido do que a demora que houve na 287, na 324, para as quais o estado fez a contratação da KPMG no passado para a estruturação. São projetos em rodovias em que já existem pedágios, então já há toda uma medição de fluxo o que permite uma estruturação mais rápida. Se vai ser possível em 2020 [a concessão], eu não tenho certeza para dizer, mas, a 122 é absoluta prioridade para nós no programa de concessões do estado”.  

Ao lado de fora da CIC, na entrada, haviam manifestantes ligados ao CPERS Sindicato que estavam protestando contra o pacote de reformas do governo Leite e a alteração no plano de carreira do magistério. Durante a reunião, o governador contrapôs os manifestantes e disse que “muitos professores nem sabem porque estão manifestando”.

Após a reunião almoço, Leite ainda teve uma reunião com a Comissão Interestadual da Uva, também com integrantes do Sindicato das Indústrias Metalúrgicas, Mecânicas e de Material Elétrico de Caxias (SIMECS) e encerrou a sua passagem pela cidade com uma reunião com a diretoria da Marcopolo e visita à fábrica.

Ouça a coletiva de imprensa, completa, com o governador Eduardo Leite no link acima da foto. 

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais