Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
07:00:00
Conectado
09:00:00
 
 

Passada mais de uma semana de ocupação, estudantes ainda não entregaram lista de reivindicações

por Vania Cassol

O rumo que está tomando as ocupações das escolas estaduais Apolinário Alves dos Santos, Aristides Germani e Cristóvão de Mendoza preocupa a coordenadora regional de educação, Janice Moraes. O vídeo que circula nas redes sociais de um pai que invadiu a escola Apolinário e agrediu alunos e professores, denúncias com fundamento questionável e a falta de objetividade do movimento dificultam o avanço de negociações. De acordo com Janice, estão chegando a coordenadoria denúncias de depredações, situação que se enquadraria em crime de dano ao patrimônio público.

A coordenadora preferiu não citar quais escolas estariam sendo depredadas. Ela também critica a posição dos ocupantes, reconhecendo o direito de reivindicar, mas questionado o fato de restringirem a circulação de outros alunos.

Conforme a coordenadora, os diretores estão tentando contato com os pais dos ocupantes e a lista formal das reivindicações, porém até o final da tarde desta segunda-feira, 30/05, nada foi confirmado.

A promotora regional de Educação esteve com representantes dos alunos na última semana e solicitou um documento com as reivindicações dos alunos que ocupam as escolas. Nesta segunda-feira, 30/5 ela visitou as escolas ocupadas e voltou a cobrar a formalização das demandas em até 48h.

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais